Waldemar Passolongo recebe título de Cidadão Benemérito na Sociedade São Vicente de Paulo

 

Homenagem concedida pelo presidente da Câmara de Cianorte, Silvio Fernandes, o Silvio do Pátio (Podemos), através da Lei 5.119/20, foi entregue na quarta-feira à noite pela vereadora e vice-presidente Marcia Pereira (PL)

Com o objetivo de homenagear e agradecer pelos relevantes serviços prestados à comunidade cianortense como, por exemplo, na ajuda a milhares de famílias carentes da cidade, foi entregue nesta quarta-feira, 25, na Sociedade São Vicente de Paulo, o Título de Cidadão Benemérito de Cianorte para o vicentino Waldemar Passolongo.

A iniciativa da homenagem é de autoria do vereador e presidente da Câmara de Cianorte, Silvio Fernandes, o Silvio do Pátio (Podemos), através do Projeto de Lei 1/2020-C (Lei Municipal 5.119/20). “O objetivo era entregar o título na Câmara, em sessão solene, porém devido a pandemia e o homenageado ser do grupo de risco não foi possível. Há mais de 47 anos, Waldemar ajudou e ajuda, de forma voluntária, diversas famílias de Cianorte, assim, a fim de reconhecer a sua nobre atitude, nada mais justo conceder o título”, salienta Silvio, que, na ocasião, não pôde estar presente.

Representando a Câmara de Cianorte no evento, a vereadora e vice-presidente, Marcia Pereira (PL), destacou também a importância do homenageado para a história da cidade. “Em primeiro lugar, parabenizo o senhor. É com muita honra que entrego o título de Cidadão Benemérito de Cianorte, aprovado, de forma unânime, pelos 10 vereadores. O mundo precisa de mais pessoas como o senhor, que faz o bem sem olhar para quem. Isso ajuda a cidade se desenvolver”, parabeniza.

“Agradeço ao vereador Silvio pela linda homenagem e a vereadora Marcia pela entrega. É uma honra receber o título de Cidadão Benemérito juntamente com minha família. Fico feliz ter ajudado inúmeras famílias, em busca de melhores condições de vida, vindas de outros estados, cidades ou países”, disse emocionado Waldemar Passolongo.

WALDEMAR PASSOLONGO

Waldemar nasceu em 1° de setembro de 1929, na cidade de Fernando Prestes, em São Paulo. Com 24 anos, tornou-se Congregado Mariano na cidade de Mandaguari-PR.

Casou-se com Ignez Pedroni, com quem viveu por 58 anos e tiveram duas filhas: Maria Isabel Passolongo (in memorian) e Maria Dolores Passolongo.

Em busca de melhores oportunidades para suas filhas, então adolescentes, mudou-se para Cianorte em 1973, encerrando, assim, sua caminhada como Congregado Mariano.

Em 1976, integrou-se à Sociedade São Vicente de Paulo, que iniciava na cidade e está até hoje. A associação é uma organização civil de homens e mulheres leigos, dedicada ao trabalho cristão de caridade.

Atualmente, com 91 anos tem dois netos: Mariana e Henrique e participa ativamente dos grupos de reflexão da Igreja Católica, bem como da Conferência Nossa Senhora de Fátima há mais de 40 anos.

Fonte: Diego Fernando Laska – Assessoria de Comunicação Social da Câmara Municipal de Vereadores de Cianorte

Banner Edplants, Acesse