VAMOS COMEMORAR O DIA DO IDOSO COM MUITA SAÚDE

PREVENÇÃO EM ODONTOLOGIA NA TERCEIRA IDADE – No próximo dia 01/10 comemora-se o dia do idoso, por isso nós queremos falar sobre prevenção na terceira idade. A saúde oral é considerada como uma parte integrante da saúde geral, sendo que as doenças da boca e dos dentes têm consequências negativas na qualidade de vida das pessoas. Nosso desafio é promover a saúde oral entre as pessoas mais idosas e encorajá-las a manter os seus dentes naturais o maior tempo possível.

Com uma boa higiene oral e consultas regulares com seu dentista, os dentes podem durar toda a vida e as gengivas podem manter-se saudáveis. Contudo, e apesar de todos os cuidados, na terceira idade podem surgir alguns problemas de saúde oral, muitos deles associados à utilização de próteses dentárias. Parta ter uma boa saúde bucal na terceira idade, é necessário que sejam seguidos princípios básicos como: uso regular do fio dental, escovação pelo menos três vezes ao dia e fazer visitas regulares ao dentista para avaliação e limpeza.

Como toda regra tem uma exceção, até mesmo quem escova e usa fio dental regularmente, pode ter alguns problemas específicos. Muitas pessoas na terceira idade usam dentaduras, tomam remédios e têm problemas de saúde geral. Felizmente, podemos ajuda-los a encarar estes desafios com êxito e melhorar a qualidade de vida.

Um outro problema que pode se agravar com a idade é a sensibilidade. Com o passar do tempo é normal haver retração gengival que expõe áreas do dente que não estão protegidas pelo esmalte dental. Estas áreas podem ser particularmente doloridas quando atingidas por alimentos e bebidas quentes, frias ou ácidas. Nos casos mais severos, pode ocorrer sensibilidade com relação ao ar frio e a alimentos e líquidos doces ou amargos. Se os dentes estiverem muito sensíveis, é possível controlar com aplicação de vernizes e creme dentais específicos para sensibilidade. Se o problema persistir, isso pode indicar a existência de um problema mais sério, como por exemplo, cárie ou dente fraturado.

É comum também as pessoas mais idosas se queixarem de boca seca com frequência. Este problema pode ser causado por medicamentos ou por distúrbios de saúde. Se não tratado, pode prejudicar os dentes. Alguns métodos podem ser utilizados para manter a boca mais úmida, como tratamentos ou medicamentos para evitar a boca seca.

Lembrando também que os portadores de dentaduras definitivas devem fazer um exame bucal geral pelo menos uma vez por ano. Deve ser dada especial atenção ao eventual desgaste da prótese e ao seu ajuste na boca devem estar corretamente adaptadas para não provocarem lesões nas mucosas e para permitirem a adequada mastigação dos alimentos.

Muitos dos fatores de risco das doenças orais são comuns a diversas doenças crónicas, como a diabetes ou as doenças cardiovasculares, por isso, os idosos requerem uma atenção especial. Portanto, lembre-se que a prevenção em odontologia também tem muita importância para a saúde geral do idoso.

Colaboração: Dr. Wagner Destéfano

Cirurgião Dentista – CRO 10637

Compartilhe:
Banner Edplants, Acesse