Retomada das feiras internacionais proporciona geração de novos negócios, relacionamento com o mercado e visibilidade institucional

Redução do espaço, organização das áreas para atendimento das exigências sanitárias e horário estendido são algumas características de eventos realizados no México e Alemanha 

Fundamentais para a geração de novos negócios, relacionamento com o mercado, troca de experiências e visibilidade institucional fora do país, as feiras internacionais estão, aos poucos, retomando seu ritmo, após quase dois anos de eventos virtuais em razão da pandemia. Recentemente, foram realizadas as feiras ANPIC Reconexión, na cidade mexicana de León, e a Feira A+A, em Dusseldorf, Alemanha. Nos dias 25 e 26 de janeiro de 2022, será a vez de Assintecal, Abimóvel, ABIT e CICB realizarem, no Centro de Eventos FIERGS, o Inspiramais 2023_I, no formato phygital. “Queremos estimular a inspiração do mercado de moda a partir do olhar e do toque nos materiais, estreitando o relacionamento com a oportunidade do contato presencial”, destaca a superintendente da Assintecal, Silvana Dilly.

De acordo com o Gestor do Mercado Internacional da Assintecal, Luiz Ribas Junior, a ANPIC é considerada a maior plataforma de negócios do México e da região para os setores de calçados, couro e manufatura. Participaram do evento empresas como OTB, KILLING ADESIVOS, POLAKO MATRIZES, ALTERO E FORMELLO FORMAS, que apresentaram produtos como acessórios, adesivos, formas e matrizes para calçados. A participação de empresas brasileiras ocorreu por meio do projeto By Brasil Components, Machinery and Chemicals, iniciativa de incentivo às exportações promovida pela Assintecal e Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Na avaliação do gestor, houve um crescimento significativo e ótimos negócios. “A aproximação com o México favorece o mercado dos dois países, ganhando assim mais competitividade frente ao contexto que vivemos na competição dos mercados asiáticos”, observa Luiz Ribas Junior. Durante 2021, as empresas mexicanas compraram do Brasil US$ 10.459.491,00, uma taxa de crescimento de 34,7% em relação a 2020, em produtos para calçados técnicos e de moda, químicos para calçados, máquinas, artigos de couro e têxteis para calçados.

Já sobre a feira na Alemanha, Ribas Junior observa que a ida do setor serve para promover a vertical de tecnologia na maior feira mundial voltada ao setor de materiais de segurança e saúde no trabalho, de forma a atender aos requisitos internacionais quanto às exigências europeias deste tipo de material. “Além de propiciar às empresas a oportunidade de inserção no mercado da Alemanha, que é referência na produção de calçados de segurança, é um importante hub de entrada de produtos brasileiros para toda a Europa, e possibilita  o contato entre fornecedores brasileiros e estrangeiros, a fim de estreitar relacionamentos e gerar novos negócios para ambos os países”, reforça. Para ele, o Brasil é cada vez mais referência mundial no quesito tecnologia e inovação para o setor.  

Participaram da A+A empresas como BRISA, FLECKSTEEL, POLAKO, CIPATEX, MAGMA/ESPUGUM, DUBLAUTO e GLOBALFIT. Critério.

Banner Edplants, Acesse

Be the first to comment on "Retomada das feiras internacionais proporciona geração de novos negócios, relacionamento com o mercado e visibilidade institucional"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*