Pastor recebe da Câmara título de Cidadão Honorário

titulo01Como mais um capítulo na valorização de nomes importantes para o desenvolvimento de Cianorte, a Câmara de vereadores realizou, na manhã do último domingo (29), a entrega de um Título de Cidadão Honorário ao pastor Peter Mathiasen. A cerimônia ocorreu na sede da Igreja Missão Evangélica Luterana e reuniu cianortenses e, também, pessoas de diferentes cidades, estados e países que admiram a história de vida do homenageado.

Na ocasião, o vice-presidente da Câmara, vereador Valdomiro Gonçalves Pereira, falou em nome da Casa de Leis. “Hoje a Câmara está realizando mais um ato importante. A vida de quem contribuiu para que Cianorte existisse e crescesse precisa ser valorizada e é o que estamos fazendo: reconhecendo a atuação de uma pessoa de bem, que já viveu no município e muito contribuiu”, considerou.

Pastor Peter, o homenageado, acompanhado pela sua família, discursou emocionado. “Recebo esta homenagem, mas com a consciência de que muita gente, que junto comigo lutou para alcançar objetivos nesta terra, também a merece. É uma grande alegria e uma honra relembrar tantos momentos marcantes que aqui vivi e, ainda, receber, em vida, esse reconhecimento”, comentou.

A cerimônia ocorreu durante uma celebração religiosa na igreja. Para tornar o momento ainda mais especial, cantores de outras cidades apresentaram músicas em agradecimento pelo momento. O som instrumental foi garantido, por meio de parceria com a Secretaria Municipal de Cultura. Também participou do evento o vereador Paulo Renato.

HISTÓRIA – O pastor Peter Mathiasen nasceu no Canadá e chegou ao Brasil em 1958. Em Cianorte, foi um nome marcante para a área da religião, como pastor da igreja cujos trabalhos estavam começando, e, também, para a área da educação: ajudou a fundar e foi diretor de instituições de ensino, como o Colégio Cianortense e a Escola Evangélica.

Sua atuação no município foi tão intensa, que, mesmo depois de deixar o Brasil, quase vinte anos mais tarde, impulsionou atividades que estão em vigor ainda hoje. Atualmente, Peter Mathiasen mora, com sua família, no Canadá.

Texto e foto: Assessoria da Câmara de Vereadores

Compartilhe:

Pastor recebe da Câmara título de Cidadão Honorário

titulo01Como mais um capítulo na valorização de nomes importantes para o desenvolvimento de Cianorte, a Câmara de vereadores realizou, na manhã do último domingo (29), a entrega de um Título de Cidadão Honorário ao pastor Peter Mathiasen. A cerimônia ocorreu na sede da Igreja Missão Evangélica Luterana e reuniu cianortenses e, também, pessoas de diferentes cidades, estados e países que admiram a história de vida do homenageado.

Na ocasião, o vice-presidente da Câmara, vereador Valdomiro Gonçalves Pereira, falou em nome da Casa de Leis. “Hoje a Câmara está realizando mais um ato importante. A vida de quem contribuiu para que Cianorte existisse e crescesse precisa ser valorizada e é o que estamos fazendo: reconhecendo a atuação de uma pessoa de bem, que já viveu no município e muito contribuiu”, considerou.

Pastor Peter, o homenageado, acompanhado pela sua família, discursou emocionado. “Recebo esta homenagem, mas com a consciência de que muita gente, que junto comigo lutou para alcançar objetivos nesta terra, também a merece. É uma grande alegria e uma honra relembrar tantos momentos marcantes que aqui vivi e, ainda, receber, em vida, esse reconhecimento”, comentou.

A cerimônia ocorreu durante uma celebração religiosa na igreja. Para tornar o momento ainda mais especial, cantores de outras cidades apresentaram músicas em agradecimento pelo momento. O som instrumental foi garantido, por meio de parceria com a Secretaria Municipal de Cultura. Também participou do evento o vereador Paulo Renato.

HISTÓRIA – O pastor Peter Mathiasen nasceu no Canadá e chegou ao Brasil em 1958. Em Cianorte, foi um nome marcante para a área da religião, como pastor da igreja cujos trabalhos estavam começando, e, também, para a área da educação: ajudou a fundar e foi diretor de instituições de ensino, como o Colégio Cianortense e a Escola Evangélica.

Sua atuação no município foi tão intensa, que, mesmo depois de deixar o Brasil, quase vinte anos mais tarde, impulsionou atividades que estão em vigor ainda hoje. Atualmente, Peter Mathiasen mora, com sua família, no Canadá.

Texto e foto: Assessoria da Câmara de Vereadores

Compartilhe: