ORTODONTIA MAIS RÁPIDA, CONFORTÁVEL E SEM DOR

Os tratamentos ortodônticos evoluíram muito nas últimas décadas, sendo desenvolvidos a cada dia materiais e métodos que aliviam a dor e o desconforto causado pelos procedimentos. O Damon System – Sistema Auto-ligado Passivo elimina a necessidade de elásticos “borrachinhas” ou ligaduras metálicas e usa um mecanismo singular que minimiza a fricção e reduz as forças utilizadas no sistema tradicional. Com o Damon System os dentes se movimentam de maneira mais rápida e confortável.

Com esse conceito de tratamento podemos dizer que a ortodontia deixou de ser aquele mito para muitos, pois, desde que executados dentro dos princípios técnico-científicos, os procedimentos se tornaram praticamente indolores para o paciente.

Vale lembrar também que pacientes com dentes melhores alinhados, e que necessitam de pequenas movimentações ortodônticas sentem menos dor em relação aquelas com dentes apinhados (encavalados), girados, intuídos ou extruídos.

Devemos entender também que o limiar de dor varia bastante entre os pacientes. Dessa forma, vemos na prática da clínica, que muitos pacientes tratados ortodonticamente podem relatar dor nas primeiras horas após a ativação do aparelho, principalmente nas primeiras vinte e quatro horas, mas a grande maioria relata apenas um pequeno desconforto.

A dor é um fator subjetivo, podendo ser influenciada por vários fatores, como o emocional, experiências prévias, motivação ou desmotivação do paciente para o tratamento, podendo variar no mesmo paciente em momentos diferentes. Existem muitas diferenças nas mensurações psicológicas de dor, por isso, a dor é um fator subjetivo.

Outra questão no fator dor, são os fios usados para o tratamento. Um fio com alto módulo de elasticidade acumula muita força para cada milímetro de ativação. Ou seja, será um material com maior rigidez. Por exemplo, a rigidez do fio de aço não é uma característica interessante para as fases iniciais do tratamento ortodôntico. Por esta razão, a redução do calibre dos fios torna-se fundamental para diminuir sua rigidez. No Sistema Damon são usados Arcos High tech (níquel, cobre e titânio) que movem os dentes mais rápido e necessitam de menos ajustes.

Já os fios de Níquel-Titânio – NiTi termoativado, superelástico, apresentam a singular vantagem da superelasticidade. Estes fios oferecem a melhor adaptação na ranhura do braquete, mesmo para fios com calibre próximo a dimensão da ranhura, isto propicia maior simplicidade e rapidez ao tratamento, principalmente na fase de alinhamento e nivelamento. Há pacientes que relacionam a dor a eficácia do tratamento, o que não é correto, pois, dependendo do caso, pode-se ativar o aparelho e o paciente praticamente não sentir dor.

De qualquer forma, os aparelhos utilizam a força mecânica para promover a movimentação dentária, e os fios para que esta pressão seja feita, de forma que todos os tecidos relacionados com os dentes do paciente participam e estão relacionados biologicamente com a movimentação provocada pelo aparelho.

Apesar dos incômodos de um tratamento ortodôntico, devemos entender que os benefícios sempre são muito maiores. Isso porque dentes mal posicionados podem facilitar o aparecimento de cáries, doenças gengivais, perda de osso ao redor dos dentes, alterações da fala, problemas funcionais e estéticos.

Colaboração: Dr. Wagner Destéfano

Cirurgião Dentista – CRO 10637

Compartilhe: