Número de casos de dengue aumenta 385% em Cianorte

Localidade com maior ocorrência é a região que engloba a Vila Operária e a Zona 04, com 28 casos cada

Há duas semanas, a quantidade de pessoas infectadas pelo vírus da dengue em Cianorte era de 20 pessoas. Já nesta quinta-feira (04), a Secretaria Municipal de Saúde divulgou que o número de casos confirmados da doença subiu para 97. Um aumento de 385% que eleva o risco de epidemia no município, sendo que algumas localidades, considerando a população do bairro com o índice, já estão em situação de surto, como o Setor 03 (Vila Operária), com 28 casos; a Zona 04, também com 28; e a Vila Sete, com 20.

Somente nesta semana, a rede de saúde do município, abrangendo as demandas da UPA, hospitais, UBSs e outros órgãos, tem realizado cerca de 40 testes rápidos por dia em pacientes que apresentam sintomas suspeitos de dengue. Além disso, a preocupação com o avanço da doença aumentou com a confirmação da primeira morte na região noroeste do estado, em Loanda, que assim como seus municípios vizinhos, está em situação de epidemia.

Diante disso, a Prefeitura reforça o pedido de ajuda da população. “As condições climáticas, de chuva com calor, somadas ao descuido dos moradores com suas residências, são totalmente propícias ao desenvolvimento do mosquito transmissor e, consequentemente, à disseminação da doença”, alerta a chefe do Setor de Vigilância Ambiental e supervisora do Programa de Combate às Endemias, Vera Fusisawa.

O bloqueio mecânico, que é a verificação, identificação e eliminação de focos, e a aplicação do inseticida a UBV Costal continuam sendo realizados nas áreas de moradia e trabalho das pessoas infectadas, como medida de contenção. “No entanto, por mais que o Poder Público invista nesta luta, a população tem papel fundamental. É preciso que cada um, em seu lar, tome as devidas providências para eliminar qualquer recipiente capaz de acumular água. Juntos, precisamos conter o avanço da doença”, enfatiza a chefe da Divisão de Prevenção em Saúde, Heloisa Dantas.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Cianorte

Compartilhe: