Jovem morto pela PM de Marialva após assalto era morador de Cianorte

O Instituto Médico Legal de Maringá identificou de forma oficial na manhã desta quarta-feira, 15 de julho, o assaltante que tombou morto na noite do dia 13 de julho (segunda-feira) na zona rural de Marialva.

Trata-se de João Lenon Pires Silva, de 19 anos, morador da cidade de Cianorte. Familiares compareceram no Instituto Médico Legal (IML) e fizeram o reconhecimento. O indivíduo já era conhecido no meio policial.

DETALHES DA TROCA DE TIROS

O assaltante tombou morto na noite da última segunda-feira, 13, ao entrar em confronto com policiais militares da cidade de Marialva, na região de Maringá. A troca de tiros ocorreu em uma fazenda situada no KM 12 da estrada Sarandi, a poucos quilômetros do Distrito de Santa Fé. A propriedade foi invadida por uma dupla de criminosos armados, que surpreenderam os moradores do local. Na hora da invasão, havia na fazenda dois rapazes. Eles presenciaram o momento que os assaltantes chegaram na propriedade rural. Antes de serem rendidos pelos bandidos, eles conseguiram avisar um tio que mora na área urbana de Marialva. Rapidamente esse familiar foi até a Companhia da Policia Militar e comunicou os policiais.

Equipes da PM foram em direção da fazenda e surpreenderam os criminosos no momento em que praticavam o assalto. Quando a dupla percebeu a chegada das viaturas, os ladrões correram com armas em punho. Na tentativa de abordagem, um deles atirou contra a guarnição policial que reagiu a altura. Durante o confronto, o ladrão que não portava documentos, foi baleado e morreu. O comparsa conseguiu fugir. O meliante que trocou tiro com a PM portava um revólver calibre 38. Os moradores da fazenda relataram aos policiais, que os criminosos foram até o local para roubarem os maquinários agrícolas (tratores).

Após render as vítimas, um deles teria realizado uma ligação e disse durante uma breve conversa que era só trazer o caminhão. A polícia acredita que o restante da quadrilha estava nas proximidades. Equipes da tropa de choque (choque canil) realizaram uma varredura e patrulhamento na região, mas os demais assaltantes não foram localizados. Agentes do IML de Maringá removeram o corpo do jovem que morreu no confronto.

Fonte: Plantão Maringá

Compartilhe:
Banner Edplants, Acesse