Ipem-PR apresenta relatório anual de atividades ao Conselho de Administração

O Conselho de Administração do Instituto de Pesos e Medidas do Paraná (Ipem-PR) apresentou de forma virtual, nesta última terça-feira (3), o relatório das atividades desenvolvidas pelo instituto no Estado nos anos de 2020 e 2021, até o dia 30 de junho. A apresentação deu ênfase à estrutura laboratorial nas áreas de metrologia legal, metrologia científica e avaliação da conformidade na área de qualidade.

O presidente do Ipem, Rogério Moletta Nascimento, também apresentou a prestação de contas de 2019 junto ao Tribunal de Contas do Estado. Destacou aos membros do Conselho de Administração, ainda, as demandas de cunho de gestão de recursos humanos que possibilitem o restabelecimento das condições necessárias e eficazes nas áreas em que o Ipem-PR atua por delegação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – Inmetro.

Também participaram da reunião o secretário estadual da Administração e da Previdência, Marcel Micheletto, como presidente do Conselho; o superintendente da Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Aldo Bona; o representante da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Marcos Pupo; o representante da Fecomércio, Paulo Nauiack; os diretores do Ipem-PR, Laertes Coelho Netto e Shiniti Honda; e, como representante dos funcionários, José Carpes.

Segundo o secretário Marcel Micheletto, é preciso fortalecer as práticas de gestão, objetivando a melhoria contínua das atividades delegadas pelo Inmetro. O secretário fez um agradecimento especial a todo corpo funcional efetivo, que ao longo desses anos vem desenvolvendo seu trabalho com muita excelência. Micheletto recebeu antecipadamente o relatório contendo informações das atividades e da estrutura do instituto no Estado.

Aldo Bona, ao conhecer melhor o trabalho do Ipem-PR, ofereceu a infraestrutura das universidades para colaborar e falou das parcerias que já foram implementadas, a exemplo do Laboratório Têxtil de Londrina, que conta com engenheiros têxteis com formação na Universidade Estadual de Londrina (UEL), e da parceria com a Unioeste junto ao Laboratório de Verificação de Determinadores de Umidade de Grãos.

Rogério Moletta falou ainda sobre os laboratórios especializados que fazem parte da estrutura do Ipem-PR, como os laboratórios acreditados pelo Inmetro: Laboratório Têxtil de Londrina, o único laboratório público que atende toda a rede do Inmetro e a iniciativa privada; o Laboratório de Grandes Massas em Maringá; e o Laboratório de Curitiba; além do Laboratório de Verificação de Determinadores Umidade de Grãos, em Cascavel, instalado desde 2002, sendo o primeiro no País para atender o setor agrícola, servindo de referência para outros estados.

CONSELHO

O Decreto Estadual nº 7599/17 instituiu o novo Regulamento, criando o Conselho de Administração, órgão colegiado de deliberação e orientação, responsável por formular a política de ação do Ipem-PR, de acompanhar a execução e de avaliar o desempenho no cumprimento de objetivos, composto por seis membros.

Fonte: Agência Estadual de Notícias do Paraná

Banner Edplants, Acesse