Home office mudou hábitos alimentares dos cachorros

Durante o período de isolamento social e home office, os tutores de cães passaram a conviver mais com seus animais. Além disso, com o tempo poupado no trânsito, ganharam horas livres, algumas delas dedicadas à experiência prazerosa de cozinhar em casa, o que incluiu, em muitos casos, preparar refeições para seus pets, substituindo as rações ou intercalando suas dietas com uma alimentação mais fresca, natural e saudável. Muitos desses novos chefs, porém, retornaram ao trabalho presencial ou perceberam que cozinhar todos os dias pode ser incompatível com uma rotina cheia. Os cachorros, contudo, já estavam bem-acostumados.

“Para atender ao novo e agora exigente paladar de seus melhores amigos, sem continuar cozinhando para eles, muitos tutores pesquisaram e encontraram nossos produtos no mercado”, relata Joel Chiarelli, criador e proprietário da Dog Natural Food, pioneira na elaboração de refeições naturais para cães, utilizando o método de cocção sous vide. Por conta desse novo hábito alimentar dos cachorros e da constatação dos benefícios de uma alimentação saudável pelos tutores, o faturamento da empresa cresceu 113,4% nos últimos 12 meses, em relação ao mesmo período imediatamente anterior. Foram produzidas 140 toneladas de comida.

“Somente em agosto, realizamos 900 entregas, com aumento de 8% em volume, 4% em quantidade de clientes e 3% em tíquete médio, na comparação com julho. Ante o mesmo mês de 2020, a expansão foi de 80,7% e 2019, mais de 100%”, relata o cozinheiro e empresário, que já está abrindo nova fábrica, cuja capacidade mensal de produção é de 70 toneladas”.

O cardápio da Dog Natural Food é constituído por refeições completas, com carne bovina, de frango e suína, legumes frescos e arroz integral, sem conservantes artificiais ou sintéticos. Os alimentos são preparados a vácuo, cozidos a temperaturas controladas e, em seguida, congelados rapidamente, preservando sabor, aroma e todos os nutrientes. Devem ser descongelados na geladeira, de 10 a 12 horas, e servidos à temperatura ambiente ou levemente aquecidos em banho-maria, no fogão ou micro-ondas.

“A alimentação natural apresenta diversas vantagens para os cães. Além da ausência de aromatizantes, corantes e conservantes químicos, proporciona o aumento da ingestão de água, prevenindo, por exemplo, a formação de cálculos e complicações renais”, salienta a zootecnista Fernanda Baptista de Oliveira Guimarães. Joel Chiarelli acrescenta que a comida natural ajuda na imunidade e prevenção de doenças, é boa para o tônus muscular, melhora a saúde da pele e dos pelos e a qualidade da vida, podendo ampliar a longevidade dos cachorros.

Banner Edplants, Acesse

Be the first to comment on "Home office mudou hábitos alimentares dos cachorros"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*