Emoção marca despedida das diretoras das instituições de ensino municipais

Em Cianorte, com o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração dos Profissionais do Magistério Público Municipal, vigente desde 2014, o mandato para o exercício das funções de direção e direção auxiliar das instituições educacionais passou a ser de dois anos, sendo permitida uma única recondução consecutiva, mediante a consulta e aprovação pela comunidade escolar. Diante disso, ao final deste ano letivo, a rede se despede de vinte e duas, das vinte e cinco, diretoras das escolas e CMEIS.

Para prestar reconhecimento pelo trabalho desenvolvido, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SMEC), reuniu as profissionais no auditório do Paço Municipal Wilson Ferreira Varella, na manhã da última sexta-feira (15). “Somos imensamente gratos por tudo o que fizeram por nossas instituições de ensino. Sabemos que esta é uma função que exige muito, não só da pessoa enquanto profissional, mas também como ser humano. É preciso ser, no mínimo, gestor, líder, empreendedor, conselheiro e solidário para garantir o adequado funcionamento da escola, bem como o bom relacionamento entre a comunidade”, destacou o prefeito Bongiorno, que também efetuou votos pela continuidade das trajetórias de sucesso e de um ótimo 2018 a todos.

Já a secretária de Educação e Cultura, Maria Neuza Casassa, transmitiu uma mensagem da primeira-dama e presidente de honra do Provopar, Fátima Bongiorno, que não pode estar presente e citou Eclesiastes 3: 1-8, salientando que “tudo tem seu tempo determinado e as diretoras cumpriram seu propósito com excelência”. Representando as diretoras, a da Escola Municipal Gonçalo Moreno Gutierres, Edna Celeni Saviani Formigoni, agradeceu a confiança que lhes foi depositada e lembrou que “as conquistas só foram possíveis graças ao trabalho feito com amor e à atuação de toda uma equipe, formada por professores, educadores, coordenação e funcionários, com o suporte da Secretaria de Educação e Cultura e apoio da administração municipal”.

Cada diretora foi homenageada em um vídeo e, em seguida, recebeu uma rosa dos membros da equipe pedagógica, chefes de divisões e servidores diretamente ligados às instituições de ensino. A confraternização foi encerrada com um coquetel. Para ocupar novamente a função, a profissional que já exerceu dois mandatos deverá cumprir interstício de dois anos. Ainda de acordo com o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração, as novas diretoras e auxiliares serão indicadas pela SMEC, respeitando os critérios de que devem ser integrantes do magistério municipal e possuir formação em nível superior, em curso de licenciatura ou de graduação plena. (Fonte: ASCOM PMC)

Compartilhe: