Em um mês, Batalhão de Operações Aéreas faz 20 missões de transporte de vacinas aos municípios

Aviões e helicópteros do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) têm sido um importante recurso do Governo do Estado para o transporte de vacinas, medicamentos e demais suprimentos hospitalares nesta fase de vacinação contra a Covid-19. De 23 de março até a última sexta-feira, 23 de abril, foram mais de 20 missões do BPMOA levando insumos e imunizantes a dezenas de municípios, incluindo os mais distantes e de difícil acesso por terra.

“O suporte logístico aéreo é vital para que ocorra a distribuição de forma rápida e segura, permitindo que o plano de imunização seja contínuo e eficaz em todos os 399 municípios do Paraná”, afirma o comandante da unidade, tenente-coronel Julio Cesar Pucci.

“Um avião e dois helicópteros do BPMOA, mais as aeronaves da Casa Militar, que também coordena a distribuição de aeronaves, estão se deslocando para diferentes localidades constantemente, visando dar fluxo na chegada dos suprimentos para as regionais”, explica o comandante.

O trabalho do BPMOA é em apoio à Secretaria de Estado da Saúde e prevê ações diárias de atendimento às unidades de saúde que necessitam dos imunizantes e outros materiais para continuar a vacinação da população. Em cada missão, as aeronaves da unidade atendem vários municípios, otimizando tempo e agilizando a chegada dos materiais com mais brevidade.

Alguns municípios que foram alcançados pelo BPMOA nesse mês foram Alvorada do Sul, Apucarana, Assaí, Bela Vista do Paraíso, Cafeara, Campo Mourão, Cascavel, Centenário do Sul, Cianorte, Cornélio Procópio, Florestópolis, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guaraci, Guaraqueçaba, Ivaiporã, Jacarezinho, Jaguapitã, Jataizinho, Londrina, Lupionópolis, Maringá, Paranavaí, Pato Branco, Pitangueira, Porecatu, Primeiro de Maio, Sertanópolis, Toledo, Umuarama e União da Vitória, além de Paranaguá, Matinhos, Guaratuba, Guaraqueçaba, Antonina e Morretes.

Fonte: Agência Estadual de Notícias do Paraná

Banner Edplants, Acesse