Dia da Consciência Negra é celebrado com festa em Cianorte

A data foi comemorada com apresentações culturais e reflexão sobre a inserção do negro na sociedade

Nacionalmente conhecido, o Dia da Consciência Negra foi celebrado nessa quarta-feira (20), em Cianorte, com um evento repleto de danças, música e informação. A data provoca a reflexão sobre a inserção do negro na sociedade e conscientiza sobre a cultura afro-brasileira, superando o preconceito racial e promovendo a valorização dos elementos da etnia. O encontro, promovido pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, em parceria com o Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial,reuniu, na sede da Casa da Memória, autoridades, alunos da rede municipal de ensino e convidados.

Ao comentar a importância dessa data, o presidente do Conselho, Ademilson Costa Souza, agradeceu a presença de todos e lembrou que, mesmo depois de tanto tempo de libertação, os negros ainda precisam lutar para ter os mesmos direitos que os brancos. “É preciso estarmos cientes da nossa força para a história desse país e continuar trabalhando para a inserção na sociedade brasileira”, afirmou.

Para o secretário municipal de Administração, Eliab Vieira Moreno, que na ocasião representou o prefeito Bongiorno, a data traz a importância de reflexão a respeito de racismo, igualdade social e inclusão do negro na sociedade. “Neste 20 de novembro, venho reverenciar todo movimento negro de Cianorte, grupo esse de resistência, de luta e organização popular e social. E neste dia a gente recorda muito da nossa história, e o quanto o país deve à população negra. É só através da organização popular, da organização social, que vamos poder sempre resistir toda e qualquer forma de omissão e de racismo”, alegou o secretário.

O encontro foi abrilhantado por apresentações realizadas pelos alunos do Pré B e C, da Escola Municipal Vicente Machado; do 1º ano B, da Escola Municipal Ovídio Luiz Franzoni; dos integrantes do Grupo Kaboom Black Crew; da Academia de Dança Marujo e Grupo Puro Agito; dos integrantes da Associação Corisco Capoeira; e do Mc T.Jota. Na oportunidade, a militante na área de Gênero e Igualdade Racial, Rosiany Maria da Silva, falou aos presentes sobre “Ter consciência negra é conhecer a nossa própria história”.

Também participaram das comemorações a primeira-dama e presidente de honra do Provopar, Fátima Bongiorno; a secretária municipal de Educação e Cultura, Maria Neuza Casassa; a chefe do Escritório Regional da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho (SEJUF), Adriana Macedo Águila; o vereador, Victor Hugo Davanço; a promotora de Justiça, Dra. Fabiana Pimenta Soares; a assistente social do Ministério Público, Adriéli Volpato Craveiro; a diretora da Estação do Ofício, Maria Cristina Bertoli; a assistente social da Secretaria Municipal de Saúde, Carmem Lúcia Sartori; e a chefe da Divisão de Cultura, Silvana Camargo.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Cianorte

Compartilhe: