Detran começa reparos nas Ciretrans

ciretranO Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) dá início à recuperação de instalações das Ciretrans (Circunscrições Regionais de Trânsito) de todo o estado com serviços de manutenção e reparos. As unidades de atendimento que estiverem deterioradas, devido à falta de manutenção, serão reformadas e adequadas às exigências de acessibilidade até o fim de 2014. Foram realizadas licitações, em cinco lotes independentes, para todas as regiões do estado divididos em Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel e Guarapuava. Cada empresa contratada atenderá uma das regiões.

Os primeiros contratos firmados deram início, neste mês, aos trabalhos de recuperação nas Ciretrans de Rolândia, Apucarana, Arapoti e Ibaiti, pertencentes à região de Londrina. “As demais unidades do estado serão visitadas pela equipe de Engenharia e Arquitetura do Detran, em conjunto com a empresa contratada, para que a situação das instalações seja avaliada. Terão prioridade para receber os serviços de reparos, as Ciretrans que apresentarem casos de maior urgência, de acordo com os dados apresentados no levantamento técnico”, explica o diretor-geral do Detran, Marcos Traad. “O processo de contratação utilizado simplifica e torna mais ágil a execução de várias manutenções e reparos que proporcionarão melhores condições de trabalho aos servidores e conforto aos usuários”, relata o diretor de tecnologia e desenvolvimento do departamento, Hugo Collodel.

A iniciativa representa investimento de mais de R$ 12 milhões. Nos 27 municípios da Região de Londrina estão previstos a aplicação de mais de R$ 2,2 milhões, mesmo valor que será destinado para as 22 cidades da Região de Guarapuava. Em Cascavel e mais 22 cidades do Oeste do Estado as obras devem somar R$ 2,1 milhões. Para Maringá e mais 22 unidades do Noroeste estão previstos R$ 1,9 milhão. Em Curitiba, incluindo postos, sede central e mais 17 municípios, serão cerca de R$ 3,6 milhões. (AE Paraná)

Banner Edplants, Acesse

Be the first to comment on "Detran começa reparos nas Ciretrans"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*