Cidades iniciam vacinação de motoristas e cobradores; 1,8 mil já foram imunizados no Paraná

A vacinação contra Covid-19 em cobradores e motoristas do Transporte Coletivo da Região Metropolitana de Curitiba começou a ganhar velocidade nesta semana. Os 19 municípios que compõem o sistema integrado já começaram a imunização dos funcionários da rede, que chega a quase 13 mil trabalhadores. A expectativa é concluir a vacinação do grupo em uma semana.

Até esta terça-feira (29), 1.804 trabalhadores do transporte coletivo haviam sido vacinados em todo o Paraná. Fazenda Rio Grande, na RMC, foi o município que mais aplicou nos funcionários da rede no Estado até o momento, com 277 doses. Curitiba começou o processo de imunização na segunda-feira (28) e já há registros em Foz do Iguaçu, Maringá, Cascavel, Castro, Pato Branco, Pitanga e Itaperuçu.

Os dados são do Vacinômetro do Sistema Único de Saúde, que atualiza em tempo real os resultados fornecidos pelos municípios através da Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS).

“Este é um momento de gratidão e reconhecimento a estes trabalhadores que não deixaram de trabalhar um único dia durante toda a pandemia. São heróis que, assim como trabalhadores da área da saúde e demais profissionais, sempre estiveram na linha de frente”, destacou o presidente da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec), Gilson Santos.

Uma das vacinas indicadas para aplicação do grupo é a Janssen, desenvolvida pelo braço farmacêutico do grupo Johnson & Johnson. É a única atualmente disponível que necessita apenas de uma aplicação para a imunização completa. Segundo dados do fabricante, o imunizante apresentou eficácia de 66% para casos moderados e 85% para casos considerados graves.

Atualmente, a Janssen representa 25,7% dos imunizantes aplicados no grupo. A AstraZeneca/Oxford/Fiocruz responde por 41,4% das doses administradas, a Pfizer/BioNTech, por 30,4%, e a Coronavac (Instituto Butantan/Sinovac), por 2,4%.

TRANSPORTE

O Paraná já iniciou a imunização de outros profissionais que trabalham com transporte. Já são mais de 10 mil caminhoneiros imunizados, além de 245 do transporte ferroviário. Eles estão sendo imunizados nessa etapa. Em fases anteriores já receberam a primeira dose 11,8 mil trabalhadores portuários e 3,9 profissionais do transporte aéreo.

VACINAÇÃO

O Paraná aplicou, até esta terça-feira (29), um total de 5.501.608 doses de vacinas contra a Covid-19. São 4.179.365 primeiras doses, 1.315.675 segundas doses e 6.568 doses únicas. O Estado é o sexto que mais vacinou no País em números absolutos.

A cidade que mais aplicou imunizantes no Estado foi Curitiba, com 984.339 doses, segundo o Vacinômetro. A Capital é seguida por Maringá (307.059 doses), Londrina (295.683 doses), Cascavel (172.677 doses) e São José dos Pinhais (133.058 doses).

Já entre as vacinas aplicadas, a mais utilizada foi a AstraZeneca/Oxford/Fiocruz, com 48,7% do total de doses utilizadas. Na sequência, está a Coronavac, do Instituto Butantan/Sinovac, com 42,7%; a Cominarty, da Pfizer/BioNTech, com 8,5%; e a Janssen, com 0,1%.

Fonte: Agência Estadual de Notícias do Paraná

Banner Edplants, Acesse