Cidades da região entram no Programa Primeiro Museu

museuOs municípios de São Tomé e Rondon foram contemplados com o Projeto Primeiro Museu que tem o objetivo de promover processos museuológicos em pequenas comunidades visando a preservação da memória e do patrimônio cultural local.

O projeto é uma iniciativa do Museu da Família em parceria com o Instituto Cultural Ingá. Em São Tomé, os primeiros passos para a implantação do museu foi realizada no último sábado (26), quando a equipe do Museu da Família (MF), a prefeitura municipal – com apoio do Instituto Cultural Ingá (ICI) e da Usina Santa Terezinha – fizeram o lançamento oficial do Programa Primeiro Museu na cidade, que hoje tem pouco mais de cinco mil habitantes.

A reunião contou com a presença de cerca de 150 moradores pioneiros foram até o salão paroquial para conhecer o projeto e também contar um pouco mais da história da comunidade e da família de cada um. Na visita, o MF conheceu a Casa da Cultura de São Tomé que passará por reformas para, ainda este ano, transformar-se no primeiro museu físico do município. Imagens aéreas com um drone foram registradas no momento em que os pioneiros deram um abraço coletivo no local que vai preservar a história da localidade.

 

REGIÃO – Em Rondon, o programa “Primeiro Museu” também será realizado através de parceria entre o Instituto Cultural Ingá, Museu da Família, Usina Santa Terezinha e a Prefeitura Municipal através da Secretaria Municipal de Esportes e Cultura – Divisão de Cultura.

O objetivo é a implantação de um museu que irá resgatar a memória de Rondon por meio dos arquivos das famílias que construíram a historia do município ao longo dos anos. Para isso será realizada no dia 30 de agosto, as 09 horas, a reunião de trabalho com o grupo da Secretaria, colaboradores e voluntários identificados pela administração como aqueles que ficarão mais próximos do projeto.

Leia reportagem completa na versão impressa de hoje da Folha de Cianorte.

Texto: Juliano Secolo / Foto: João Polippo/São Tomé News

Compartilhe: