Cida busca liberação de mais 5 mil moradias rurais para o Paraná

A governadora Cida Borghetti se reuniu nesta terça-feira (22), em Brasília, com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, para tratar da liberação de uma cota de mais 5 mil moradias rurais para o Paraná. Cida reforçou essa solicitação, que já foi feita em tratativas anteriores do Governo do Estado junto ao Ministério das Cidades. Brasília, 22/05/2018. Foto: Jonas Oliveira/Governadoria

A governadora Cida Borghetti se reuniu nesta terça-feira (22), em Brasília, com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, para tratar da liberação de uma cota de mais 5 mil moradias rurais para o Paraná. Cida reforçou essa solicitação, que já foi feita em tratativas anteriores do Governo do Estado junto ao Ministério das Cidades. O ministro pediu prioridade no andamento das demandas do Estado apresentadas pela governadora.

“São pedidos que vão solucionar problemas habitacionais em diversas cidades do Interior, sobretudo naqueles municípios que mais precisam, nas localidades mais necessitadas”, destacou a governadora.

Baldy informou que a equipe técnica do ministério vai analisar as solicitações do Estado nos próximos dias. Conforme determinação do ministro, uma reunião ocorrerá em 5 de junho, também em Brasília, com a participação da equipe técnica do Ministério da Cidades e de representantes da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) para discussão e alinhamento de projetos.

“Recebi a governadora e conversamos a respeito de demandas de mais moradias rurais. Já determinei que a equipe de Habitação faça essa averiguação com toda a cautela, que analise o mais rápido possível cada detalhe dos projetos para, então, recebermos o presidente da Cohapar já no início de junho”, destacou Baldy.

Cida acrescentou que os projetos do Paraná estão prontos para ser analisados pelo Ministério da Cidades e pela Caixa Econômica. “A equipe da Cohapar fez um excelente trabalho e os projetos estão finalizados, aguardando análise”.

NOVAS UNIDADES

A cota solicitada é do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR). Cida lembrou que as 5 mil unidades fazem parte de um lote de 12 mil novas moradias rurais solicitadas pelo Governo do Paraná, todas com documentação já enviada pela Cohapar e aguardando análise e liberação de recursos do Governo Federal para início das obras.

As 5 mil moradias representam investimento de R$ 171 milhões (R$ 34,2 mil por unidade) e se destinam aos que têm renda familiar bruta anual de até R$ 17 mil. Os recursos são repassados diretamente às famílias beneficiárias para a compra do material de construção e pagamento da mão de obra, com o auxílio técnico da Cohapar durante toda a fase de construção.

A coleta e organização da documentação dos potenciais agricultores atendidos foi feita em um trabalho integrado das equipes da Cohapar, Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, Emater e prefeituras. O projeto arquitetônico das casas, de 48 metros quadrados, foi elaborado pela Cohapar, que também é responsável pela fiscalização e medição das obras para liberação gradativa dos recursos às famílias.

DESTAQUE

Desde 2011, os projetos vinculados ao Programa Nacional de Habitação Rural atenderam mais de 13 mil famílias de pequenos agricultores de todas as regiões do Paraná. O desempenho faz com que o Estado se destaque como o maior em número absoluto de unidades contratadas na história do programa.

ALDEIAS

Cida Borghetti esteve no domingo (20) na Reserva Indígena do Ivaí, no município de Manoel Ribas, e conheceu de perto a realidade dequela população. Com mais de 2 mil índios, a aldeia preserva as tradições caingangues. Na audiência com o ministro Baldy, ela pleiteou também a análise da demanda por moradia desta e de outras aldeias do Paraná. O ministro mencionou que há linhas para investimentos que priorizam as comunidades indígenas e quilombolas.  

Fonte: Agência Estadual de Notícias do Paraná

Compartilhe: