Cianorte entra em lockdown a partir desta terça-feira

 

O Prefeito Marco Franzato definiu um novo decreto nesta segunda-feira (01º de Março) determinando o fechamento de todos os serviços não essenciais em Cianorte, alinhando-se assim as determinações do decreto estadual 6.983/2021.

“Publicamos agora um novo decreto, seguindo à risca o decreto do governo do estado. Decisão tomada após conversa com o governador, motivada pela possível falta de oxigênio em alguns municípios do Paraná, prevista para os próximos dias. Agradeço o apoio da população, as mensagens de carinho. Agradeço também ao pessoal do comércio, empresários e a Associação Comercial que estão nos dando total apoio. Conto com a população para que sigam o decreto. Lembrando que a fiscalização está trabalhando com todo rigor pela saúde de todos!”, destacou o prefeito Marco Franzato através das redes sociais.

Assim, o Decreto Municipal nº 41 de 1º de Março de 2021 determina que entre as 00 horas do dia 02 de março e 05 horas do dia 08 de março estão suspensos os serviços e as atividades não essenciais (comércio varejista, atacadista e prestadores de serviços não elencados como essenciais).

Em pronunciamento nas redes sociais o prefeito Marco Franzato falou sobre a sua decisão de fechar o comércio. “Na vida não é fácil, gente, na vida a gente tem que tomar algumas decisões que é difícil e as vezes concorda, as vezes não concorda. E agradar todas as pessoas não é fácil. Eu quero agradecer esse momento para agradecer enormemente as pessoas e os apoios que estou recebendo na rua, pela internet, enfim, por todo mundo. Mas não é fácil estar aqui tomando essas decisões. A gente pede sempre que o Espírito Santo nos guie, que nos ajude, para que a gente erra menos possível, não é fácil. Mas numa conversa agora de manhã com nosso Governador Ratinho Junior, é… me ligou pedindo encarecidamente, eu entendo essa situação, nós estamos com um problema seríssimo de oxigênio no Paraná, gente. Não é só aqui em Cianorte; o número e o fluxo de pessoas dos últimos 10 dias, aumentou demais. Então a gente corre um risco enorme de um problema de faltar oxigênio. Então a pedido do governador a gente vem aqui dizer que nós vamos também, o município de Cianorte, sabe, eu até não concordo com isso sabe, eu acho que o comércio varejista não é o responsável por tudo isso. Da maneira que nós fizemos, com 50%, mas eu acho que é momento da política do coletivo. Agora é preciso olhar o coletivo e salvar vidas, sabe. Então é isso que nós vamos fazer. A partir de amanhã (02/03) baixamos outro decreto e vamos seguir rigorosamente o decreto de nosso governador do Estado do Paraná, pedindo que nós ajude que a gente consiga o mais rápido possível resolver o problema que nós temos de oxigênio e de UTI. Não é só Cianorte, é todo o Paraná.”, destaca.

Franzato também agradeceu aos médicos e profissionais da saúde por toda sua dedicação. “Então quero agradecer também aos médicos da nossa cidade. É incrível como as pessoas ontem (28/02) se dedicaram, ontem e a semana toda, hoje (01/03) de novo; num trabalho de equipe de médico, de coração gente, é uma gratidão enorme por essas pessoas, que tão lutando pra salvar vidas, sabe, lutando todos os dias, é incrível a tarde sem almoço sem nada, sabe, então, é isso que a gente quer agradecer.”, destacou.

24 HORAS

Uma das ações adotadas pela Secretaria Municipal de Saúde de Cianorte, foi ampliar o atendimento no Centro de Evento Carlos Yoshito Mori – que tem funcionado ao longo da pandemia como Centro de Triagem Para Síndromes Gripais – para 24 horas.

“O (Centro de Eventos) Yoshito Mori agora está virando 24 horas, ele trabalhava das 08 da manhã às 08 da noite. Agora nós entramos, a partir de sábado (27/02) 24 horas. E vamos agora também intensificar a fiscalização. Nós precisamos nesta semana um período de calmaria, que as pessoas realmente não saiam, que as pessoas não façam festa, que as pessoas usem máscaras, para que a gente possa, queira Deus, na segunda-feira que vem (08/03), voltar a normalidade na nossa cidade. Normalidade é respeitando a máscara, respeitando o distanciamento, respeitando tudo isso pra que a gente volta o comércio a funcionar, porque só o comércio não pode pagar essa conta, que a gente realmente sabe que é dolorido. Então estou aqui pedindo apoio pra população, pedindo encarecidamente, que as pessoas fiquem em casa, que esse momento a gente tem fé que vai passar. Muito Obrigado a cada um de vocês tá pessoal, grande abraço.”, afirmou o Prefeito Marco Franzato nas redes sociais.

OXIGÊNIO

Em entrevista a Luciana Penha na CBN Maringá 2ª Edição, o prefeito Marco Franzato, além de falar sobre o decreto sobre as medidas restritivas, também procurou esclarecer a questão do empréstimo de cilindros de oxigênios no fim de semana.

“Estamos atendendo um pedido do Governador Ratinho Junior e alinhando com o Decreto Estadual, claro que a gente aqui colocou algumas coisas a mais, por exemplo, mercado, açougue, no domingo a gente também vai manter fechado, e o decreto do estado deixa alguma brecha para que se trabalhe. Então a gente até colocou um pouco mais neste momento, apesar da minha opinião, sempre deixei claro, e continuo dizendo que não acho que o comércio varejista é o culpado disso, sabe, eu acho que não adianta a gente querer achar culpado. Acho que a gente precisa cuidar, usar as máscaras, respeitar o distanciamento.”

Em relação ao oxigênio Franzato disse que “Sobre o oxigênio não precisa nem falar, todo o Paraná sabe do número e o aumento de casos, então qual é a preocupação que nós como governantes, como o governador e nós prefeitos temos é essa dificuldade, nós agora estamos chegando oxigênio em Cianorte, que é a White Martins que nos abastece aqui, então essa é uma grande preocupação, porque o número de pessoas é muito grande e infelizmente nós estamos há dois meses aqui na Prefeitura e a gente no passado não exigiu uma preocupação da gente criar uma usina pra produzir o oxigênio, enfim, e agora nós temos que correr atrás então essa é a grande preocupação. Mas está tudo sobre controle, não faltou e não vai faltar, temos fé que tudo isso vai passar o mais rápido possível.”, destacou o prefeito.

Em relação ao empréstimo de oxigênio realizado no final de semana, o prefeito de Cianorte esclareceu que “Nós pedimos emprestado de Campo Mourão, de Umuarama, de Terra Boa, de Engenheiro Beltrão, de Araruna, mas é apenas a cautela e a preocupação que esse oxigênio poderia não chegar hoje (1º/03), nós não tivemos problemas, agradeço enormemente a todos esses prefeitos da região que nos atendeu, muito prontamente e nos serviu isso, mas foi com o intuito de uma precaução para que não faltasse. Por que o número de casos na nossa cidade como na região aumentou e a gente tinha essa preocupação. Mas hoje (1º/03) está tudo sobre controle. E na verdade a gente pediu e eles nos forneceram e a gente agora está abastecendo e devolvendo isso pra eles.”, explicou Marco Franzatto.

ACIC

Diante da publicação do Decreto Municipal nº 41 a Associação Comercial e Empresarial de Cianorte (ACIC) divulgou uma nota informando que “mesmo tendo a compreensão que o lockdown não é a solução para o combate à Covid-19, estando a real solução vinculada a responsabilidade individual de cada cidadão, em cumprir com os principais pontos do protocolo de saúde para diminuição do contágio, irá fechar o comércio entre 02 e 08 de março, respeitando as decisões dos Poderes Executivos Municipal e Estadual.

Na nota, a ACIC também agradece ao Prefeito Marco Franzato que ouviu o apelo da classe empresarial e se mostrou sensível ao apelo dos mesmos que foi de mantar a geração de renda das famílias de nossa região, mas que compreende que o momento é de unir forças para o bem comum.

Veja o pronunciamento do prefeito nas redes sociais. https://www.facebook.com/MarcoFranzatoOficial/videos/262144742058039

Veja a entrevista para a CBN Maringá: https://www.youtube.com/watch?v=js0PmadF1vk

Fonte: Redação Folha Regional de Cianorte

Banner Edplants, Acesse