Cianorte, Campo Mourão e Paranavaí terá ópera Infantil como boa opção no carnaval

 

Uma excelente opção para quem não pretende ir no embalo do Carnaval é assistir ao espetáculo “Tirando a Ópera do Baú”. Destinado ao público infantil. Entrada franca.

As apresentações pelo Paraná começam nesta quinta-feira (20 de fevereiro), às 14h30, no Anfiteatro Cândido Garcia/ Unipar, em Cianorte. Na sequência, o espetáculo segue para Campo Mourão (sexta, 21 de fevereiro), no Teatro Municipal. No sábado (dia 22 de fevereiro) será encenado em Paranavaí, no anfiteatro da Unipar. Todas as encenações acontecem às 14h30.

Aviso importante: ainda há ingressos disponíveis. É bom garantir o seu. Os ingressos poderão ser retirados no dia do espetáculo, das 9 às 14 horas, nos locais das encenações.

A disponibilidade de convites vai depender da capacidade dos locais em que “Tirando a Ópera do Baú” será encenado. Não haverá sessões extras.

Escolas e instituições educacionais podem fazer reservas antecipadas de ingressos através do seguinte e-mail: alcionejaneiro@yahoo.com.br

PARA ESTIMULAR A IMAGINAÇÃO INFANTIL

“Tirando a Ópera do Baú” tem direção artística e musical de uma das mais expressivas personalidades do universo lírico: Denise Sartori, cujo talento é reconhecido, inclusive, exterior.

Denise, assim, define, o projeto cênico-musical: “O espetáculo estimula a imaginação do público, principalmente o infantil. Repassamos conhecimentos sobre a ópera de modo lúdico, leve e também didático. Nossa intenção é formar plateias com música de qualidade, o que não acontece no Brasil, atualmente”.

Com aprovação do Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura, o Profice, “Tirando a Ópera do Baú” é destinado, especialmente, ao público infanto-juvenil. Apoio Cultural: Companhia Paranaense de Energia, a Copel. O Profice é vinculado à Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura

UMA TURMINHA DESTEMIDA

A interação com o público infanto-juvenil é a principal característica de “Tirando a Ópera do Baú”. A história, inicialmente, se passa no sótão de uma casa muito misteriosa!!!

Naquele casarão mora uma senhora bem velhinha! Dizem que ela é bruxa. Belo dia, Thiago, João, Cidinha e cia. decidiram entrar no casarão em busca de aventuras. As crianças passam por experiências extraordinárias e sobrenaturais.

Lá dentro, a turminha aventureira descobre histórias incríveis. Contadas e cantadas através de árias (peças musicais) de óperas consagradas e populares. Por exemplo: “Turandot“, de Giacomo Puccini (1858-1924); “O Barbeiro de Sevilha“, de Gioachino Antonio Rossini (1792 -1868); “Carmen“, de Georges Bizet (1838 -1875); para citar algumas árias.

O elenco de “Tirando a Ópera do Baú” agrega expressivos cantores do universo lírico do Paraná, além de uma equipe técnica composta por profissionais das artes cênicas (músico, cenário, iluminação, figurino, maquiagem, entre outros). Coordenação geral: Salete Cercal, respeitada produtora cultural.

DENISE SARTORI/ BREVE TRAJETÓRIA

Admirável a trajetória da cantora lírica paranaense, Denise Sartori. Além de vencer vários concursos de canto e protagonizar montagens importantes, Denise foi a única brasileira a participar do Gala Concert, em 1992, no Philadelphia Opera Theatre, evento promovido pelo tenor Luciano Pavarotti (1935-2070).

Graduada na Escola de Música e Belas Artes do Paraná, a cantora lírica, nascida em Curitiba, é precursora no estudo sobre anatomia e fisiologia do sistema vocal para cantores, amadores e profissionais e professores de canto. Participou do corpo docente de importantes festivais de Música. Sim, ela é uma referência como Educadora de Canto.

A convite do dramaturgo Manoel Carlos, Denise Sartori atuou na novela “Laços de Família’’, em 2000. Interpretou a personagem Ofélia, uma professora de canto lírico. Obteve visibilidade nacional. Mais importante: levou a ópera aos quatro pontos cardeais do Brasil.

CIDADES E DATAS DE APRESENTAÇÕES

20/02 – Cianorte – Anfiteatro UNIPAR.

21/02 – Campo Mourão – Teatro Municipal de Campo Mourão.

22/02 – Paranavaí – Anfiteatro Unipar.

27/02 – Toledo – Teatro Municipal de Toledo.

28/02 – Francisco Beltrão – Teatro Municipal Eunice Sartori.

29/02 – Pato Branco – Anfiteatro UTFPR.

05/03 – Arapongas – Cine Teatro Mauá.

06/03 – Apucarana – Anfiteatro Unespar.

07/03 – Rolândia – Centro Cultural Nanuk.

*Todas as apresentações de “Tirando a ópera do Baú” acontecem às 14h30.

SERVIÇO

Espetáculo: Tirando a Ópera do Baú.

Horário: todas as apresentações de “Tirando a ópera do Baú” acontecem às 14h30.

Entrada franca: Os ingressos poderão ser retirados no dia dos espetáculos, das 9 às 14 horas, nos locais das apresentações.

** Escolas e instituições educacionais podem fazer reservas antecipadas de ingressos através do seguinte e-mail: alcionejaneiro@yahoo.com.br

FICHA TÉCNICA

Direção Artística e Musical: Denise Sartori

Coordenação Geral: Salete Cercal

Cantores: Tieko Hiratomi, Keidma Juliana, Camila Santiago, Thiago Monteiro, João Miguel Aiub e Aldo Gabriel.

Piano: Raquel Vaz

Cenário e Figurino: Celso Júnior

** O espetáculo Tirando a Ópera do Baú tem aval do Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (PROFICE). Apoio cultural: Companhia Paranaense de Energia (COPEL)

Fonte: Antônio Mariano Júnior – Assessoria de Imprensa “Tirando a Ópera do Baú”

Compartilhe: