Casal é detido pela PM com 17 mil dólares e mais de R$ 50 mil

Na tarde do último domingo (16), policiais militares do 7º Batalhão de Cruzeiro do Oeste apreenderam grande quantia em dinheiro com um casal umuaramense na PR-323.

Tudo começou quando a Polícia Militar recebeu uma denúncia anônima de que, um casal teria ido até Cianorte para retirar uma quantia em dinheiro com um contrabandista conhecido na região. Dinheiro que seria proveniente do contrabando, e que o casal estaria em um Corolla de cor prata.

Com essas informações, uma equipe de Tapejara deslocou até as margens da PR-323, logo avistou o veículo em alta velocidade pela rodovia. No local, também compareceu uma equipe da ROTAM, e em uma ação conjunta, os militares realizaram a abordagem.

O casal saiu do interior do veículo, a mulher estava com uma criança no colo. Ambos apresentaram nervosismo durante a abordagem. Questionado, o homem informou os policiais que foi até Cianorte verificar a reforma de um caminhão e já estavam retornando para Umuarama, onde residem.

Durante fiscalização no veículo, os policiais encontraram um “maço” de notas de R$ 50,00 no interior do porta-luvas e um “maço” de notas de R$ 100,00 no encosto traseiro do passageiro. O condutor não soube informar a procedência do dinheiro.

Já a mulher, os policiais pediram para que ela deixasse a criança no chão, com isso visualizaram um volume na região de sua cintura e pediram para que ela retirasse os objetos do corpo. Foi aí então, que foram localizados diversos “maços” de dinheiro, em notas de R$ 50,00 e R$ 100. E também US$ 100,00 (cem dólares).

O casal foi questionado sobre a quantia e informou que não sabiam ao certo. Foi então feita a contagem, que somaram R$ 51.676,00 e US$ 17.000,00.

Sem explicações sobre a grande quantia, o casal foi conduzido até o cartório do 7º BPM e posteriormente encaminhado para a Polícia Federal de Guaíra, conforme uma orientação do delegado de plantão.

Ainda de acordo com a PM, durante a abordagem o casal apresentava excessiva preocupação com cinco aparelhos celulares, mas não autorizaram o desbloqueio dos telefones. O homem já possui envolvimento com o contrabando.

Fonte: Umuarama News

Compartilhe:
Banner Edplants, Acesse