Amenorte reúne lideranças e lança o Programa Paraná Produtivo na região de Cianorte

 

O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Planejamento e Projetos Estruturantes, tem realizado as oficinas do Programa Paraná Produtivo. A iniciativa tem o objetivo de identificar potenciais e carências das regiões e proporcionar um desenvolvimento produtivo integrado entre os municípios.

Na região da Amenorte, o lançamento do Programa aconteceu na manhã de quinta-feira (20), na sede da Associação Comercial e Empresarial de Cianorte (ACIC), e contou com a presença do secretário estadual da pasta, Valdemar Bernardo Jorge, além de autoridades locais e regionais.

As oficinas reúnem lideranças políticas, do setor produtivo e representantes de universidades para fazer o diagnóstico da região, discutir potencialidades e elencar prioridades. O secretário do Planejamento, Valdemar Bernardo Jorge, apresentou o programa e mostrou que um dos objetivos do Paraná Produtivo é contribuir para a geração de emprego e renda e a diminuição das desigualdades regionais. “Precisamos integrar todas as iniciativas estaduais às necessidades da população para o desenvolvimento das regiões”, disse Bernardo Jorge. “Estamos trabalhando para integrar as políticas públicas do Estado com as municipais. Para que aconteça a estruturação, temos três eixos prioritários: pessoas, sistemas produtivos e infraestrutura. Um quarto foco é a governança e gestão”, enfatizou o secretário.

Nesta primeira fase do programa, estão sendo realizadas as oficinas de diagnóstico para coleta de informações e ouvir as demandas de cada uma das regiões, destacando as potencialidades, fragilidades, perspectivas e oportunidades que poderão alavancar o desenvolvimento produtivo.

Os prefeitos da região da Amenorte participaram ativamente, colaborando com o debate de temas de interesse regional. O presidente da Associação de Municípios do Médio Noroeste, Rodrigo Pezão, destacou os projetos de energia renovável com a instalação de usinas fotovoltaicas em Tapejara. Com o projeto de energia solar, a cidade pretende economizar no gasto de recursos públicos com a iluminação de ruas, avenidas e prédios utilizados pela administração, além de gerar emprego e renda.

Já o prefeito de Cianorte, Marco Franzato, falou sobre o programa de apoio a cafeicultura, colocado em prática nos primeiros meses de sua gestão. Cianorte nos anos 70 se destacou no plantio de café, cultura que volta a receber o incentivo do município.

Um raio-x das potencialidades de cada cidade foi apresentado e projetos de referncia foram citados por prefeitos das cidades de Rondon, Indianópolis, São Manoel do Paraná, Jussara, Saõ Tomé, Japurá, Cidade Gaúcha e Guaporema. De acordo com o presidente da Amenorte, prefeito Rodrigo Pezão, o encontro serviu para uma importante troca de experiências e abertura para novas oportunidades nos municípios que integram a microrregião. “Desenvolvimento é a palavra chave, para que os municípios possam buscam o crescimento organizado e nesse contexto a participação da Secretaria do Planejamento e Projetos Estruturantes é de fundamental importância”, destacou.

Para o secretário Valdemar Bernardo Jorge, o encontro foi altamente positivo e vai contribuir em muito na criação do plano de ação que será colocado em prática pelo governo estadual.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Amenorte

Compartilhe:
Banner Edplants, Acesse