Alunos fazem exposição sobre moda do século 19

exposicaoSerá aberta hoje na Tecidoteca do curso de Moda da Universidade Estadual de Maringá (UEM) a Exposição Permanente do Século XIX. São seis roupas elaboradas e produzidas por alunas do segundo ano do curso de Moda, do campus de Cianorte. O projeto foi organizado pelo professor de História da Moda Contemporânea, Ronaldo Vasques, e a professora de Confecção, Maria Helena Ribeiro de Carvalho. “Na década de 1850 surge o conceito de alta costura, criado pelo inglês, radicado em Paris, Charles Frederick Worth”, comenta o professor Vasques sobre a moda antiga. “É importante ressaltar que neste instante tem um paralelo da alta costura, o homem e a roupa de trabalho. Uma vez que indumentária masculina vira espelho da sociedade”.

As roupas da exposição estão divididas por períodos: Moda Império, Romantismo, Vitoriano e Belle Époque. Uma delas a inspiração foi a rainha Vitória, da Inglaterra. Ela influenciou a moda na época com profundis decotes deixando o colo, os ombros e parte dos braços à mostra.

Além da rainha britânica também há referencias sobre Josefina, e o literário Oscar Wilde, entre outras personalidades históricas que influenciaram a população por seus comportamentos. Nem sempre exemplares. E não só o aspecto visual foi baseado na época. As alunas em Cianorte também usaram tecidos comuns na antiga alta costura. Assim, além do decote citado há vestido longo, chapéu, rendas, acessórios, entre outros aspectos.

O projeto faz um resgate histórico, cultural e comportamental, colocando os alunos numa relação prática com o que é visto em sala de aula. A abertura da exposição será hoje 19h30 na Tecidoteca que fica na sala 3, do bloco Y 3, no campus cianortense da UEM. A exposição fica permanente no local.

Texto: Andye Iore / Foto: Ronaldo Vasques

Compartilhe: