Agente de Saúde acha focos de dengue onde já teve vistoria

dengue-garagem01O jornal Folha de Cianorte flagrou na tarde da última quinta-feira (17) o supervisor de campo do Programa de Combate à Dengue, Paulo Henrique Zago, destruindo três focos de dengue na avenida Brasil, próximo a Unipar, em Cianorte. A ação foi casual, já que ele atendeu o chamado de uma moradora sobre uma casa vizinha que está fechada e com mato alto no quintal. Zago verificou o quintal suspeito e não identificou nenhum problema. Mas, em um terreno baldio do outro lado da avenida havia um copo plástico e um pneu com várias larvas do mosquito Aedes Aegypti. A água acumulada foi descartada e os focos destruídos com veneno. “O problema está na consciência das pessoas que não colaboram”, comentou Zago, informando que iria identificar o proprietário do terreno no sistema da prefeitura para encaminhar uma notificação. Em caso de uma segunda notificação, a pessoa já pode ser multada.

O curioso é que a região da Zona 1 já havia sido monitorada há pouco mais de um mês e mesmo assim havia vários recipientes jogados no terreno onde ocorreu o flagrante. “Eu cuido do meu quintal e do vizinho. Fico preocupada”, disse a dona de casa Lúcia Zaghini, que fez a denúncia do terreno suspeito. O que motivou a visita do supervisor de campo de Combate à Dengue. Ela informou que os vizinhos já se mobilizaram para fazer um mutirão de limpeza nas ruas e calçadas do quarteirão e que um dos vizinhos já teve dengue.

Seguindo na vistoria não programada no dia, o supervisor de campo ainda achou outro grande foco no estacionamento de um prédio. Ele verificou os ralos e ao abrir a tampa de uma cisterna (foto) diversos mosquitos saíram voando. Ele ascendeu uma lanterna e encontrou muitas larvas de Aedes Aegypti, indicando que o local não era limpo há muito tempo. A síndica do condomínio também seria comunicada e receberia uma notificação.

MAPEAMENTO – A região onde fica o terreno e o prédio está na Zona 1, onde o mapeamento da Secretaria de Saúde aponta quatro casos de dengue confirmados. Cianorte conta com hoje com 116 casos positivos de dengue, sendo três importados e 113 autóctones. O Levantamento de Índice Rápido Aedes Aegypti (LIRA), realizado entre 7 e 11 de abril, apontou dados preocupantes. Cianorte está com um índice de infestação de 4,1%, sendo que em janeiro era de 2,1% e o aceitável pelos órgãos de Saúde é até 1%. O que deve caracterizar a cidade com epidemia de dengue em breve. O que já aconteceu em cidades da região.

Por isso, a Secretaria de Saúde encaminhará na próxima semana um requerimento para a Secretaria de Saúde do Paraná para receber o Ultra Baixo Volume (UBV) com veículo. Por enquanto o veneno é passado no sistema costal, com os agentes andando pelos bairros com a bomba de veneno nas costas. No sistema com veículo a ação do veneno é mais eficiente.

Texto e foto: Andye Iore

Banner Edplants, Acesse

Be the first to comment on "Agente de Saúde acha focos de dengue onde já teve vistoria"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*