‘Acumuladores’ serão notificados para limparem seus estabelecimentos

Prazo para adequação será de 72 horas

Por recomendação administrativa do Ministério Público, a partir desta terça-feira (21), os agentes do Programa de Combate às Endemias de Cianorte irão notificar as residências e estabelecimentos comerciais de ‘acumuladores’, ou seja, daquelas pessoas que aglomeram grande quantidade de objetos, itens de reciclagem e materiais sólidos em seus imóveis e que favorecem a proliferação do mosquito Aedes aegypti, escorpiões e outros animais. No total, 26 proprietários receberão a autuação. O prazo para a limpeza será de 72 horas.

Durante a organização da ação, nessa segunda-feira (20), as equipes foram divididas para a realização do trabalho. “Nesse primeiro momento informaremos os responsáveis por esses pontos críticos para que resolvam o problema dentro do prazo estabelecido. Posteriormente, encaminharemos os relatórios ao Ministério Público que nos informará quais atitudes deverão ser tomadas”, alega a chefe da Divisão de Prevenção em Saúde, Heloísa Dantas.

Atualmente, Cianorte vive uma epidemia de dengue, com 445 casos confirmados da doença. “Com essa nova ação, esperamos que essas pessoas que costumam acumular materiais em seus estabelecimentos resolvam essa situação, já que tal atitude interfere diretamente no bem-estar e saúde da vizinhança”, aponta a supervisora do Programa de Combate às Endemias, Vera Fusisawa. Denúncias de outros locais propícios à proliferação do mosquito podem ser realizadas através da Ouvidoria do SUS Municipal, que atende pelo telefone 3619-0328 ou pelo WhatsApp 99125-9767.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Cianorte

Compartilhe: