ACIC propõe melhorias para Cianorte e região

acic-reuniaoConsideradas de extrema importância para tentar resolver diversos problemas dos municípios onde estão localizadas as instituições pertencentes à Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Norte e Noroeste do Paraná – CACINOR, as reivindicações de 27 municípios da região, incluindo Cianorte, foram reunidas em documento que está sendo entregue aos candidatos que representam a região nas esferas municipal, estadual e federal.

Em Cianorte, a Associação Comercial e Empresarial de Cianorte (ACIC), reuniu a sociedade civil organizada no dia 17 de julho para discutir as reivindicações, que abordaram quatro eixos temáticos de interesse da classe empresarial.

As proposições na área política foram para ampliar as situações de saque do FGTS, incluindo a liberação do fundo em caso de pedido de demissão, bem como extinguir a multa sobre o FGTS em caso de rescisão de contrato de trabalho; liberar a isenção do Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis em casos de doação e inventário de bens imóveis; e aumentar o limite de faturamento para enquadramento das empresas no Simples Nacional. Na área de educação, foi solicitada uma atuação mais contundente do Estado na fiscalização do cumprimento das leis no âmbito da educação, visando uma educação de qualidade.

Já no eixo que discutiu infraestrutura e logística, os pedidos foram para a implantação de acostamento nas rodovias estaduais: rodovia PR 082 e rodovia PR-567, que liga o município de Cianorte a importantes municípios da mesorregião noroeste do Paraná como Terra Boa, Rondon, Japurá, Cidade Gaúcha, Araruna e São Lourenço. Nas discussões sobre as necessidades que devem ser sanadas quanto à segurança pública, foi reivindicada a instalação da Guarda Municipal para os municípios com população acima de 50 mil habitantes.

As propostas apresentadas, somadas às demais, fazem parte de documento que está sendo encaminhado aos candidatos da região, para que após as eleições, a CACINOR possa exigir providências baseadas no compromisso público assumido pelas autoridades políticas.

Texto e foto: ACIC

Compartilhe: