ZECA DIRCEU GARANTE R$ 1,1 MILHÃO PARA CIANORTE 

O município de Cianorte receberá cerca de R$ 1.193.000,00 da União referente à compensação pela queda das transferências do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) conforme o projeto de lei relatado pelo deputado federal Zeca Dirceu (PT) e aprovado na Câmara dos Deputados na última semana.

“O PL 136 representa não apenas um alívio financeiro, mas também um compromisso com a responsabilidade fiscal e o bem-estar do povo, inclusive de Cianorte”, concluiu Dirceu.

Ao todo, o Paraná vai receber R$ 2,1 bilhão da União referentes à compensação pelas perdas de arrecadação de ICMS provocadas por leis eleitoreiras aprovadas no governo Bolsonaro e pela queda das transferências do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) e do FPE (Fundo de Participação dos Estados) registradas em alguns meses em 2023.

Recomposição das perdas
O projeto de lei complementar aprovado no Congresso prevê a compensação da União a estados e Distrito Federal no total de R$ 27 bilhões pela redução da arrecadação de ICMS incidente sobre combustíveis, comunicações e energia elétrica a partir de julho de 2022.

Deste total, caberá R$ 1,83 bilhão ao Paraná, que receberá R$ 1,4 bilhão já em 2023. “Conseguimos ampliar a compensação, ampliar os benefícios. Haverá uma antecipação da parcela de 2024 e uma compensação da queda de repasses do FPE e FPM no comparado de 2023 a 2022”, afirmou.

Zeca Dirceu enfatizou que o presidente Lula acertou ao encaminhar o projeto compensando as perdas que os municípios tiveram na arrecadação do ICMS, fruto de uma medida eleitoreira de Bolsonaro, feita às vésperas da eleição do ano passado. “Garantimos a antecipação de uma parte da compensação que ocorreria apenas em 2024, fazendo com que os municípios a recebam já neste ano”, afirmou.

Banner Edplants, Acesse