XII Conferência Municipal de Saúde de Rondon

Aconteceu na última quinta-feira, 11, no Clube do Idoso Reviver em Cristo, às 13h00, a XII Conferência Municipal de Saúde de Rondon, com o tema: Democracia e Saúde.

O evento foi realizado através do Conselho Municipal de Saúde e Secretaria Municipal de Saúde, e contou com a presença da Neide Azevedo de Almeida Stuchi, assessora de controle social, da 13ª Regional de Saúde, a qual esteve representando a diretora da 13ª Regional de Saúde, Adriana Batista Gonçalves Guimarães. Também estiveram presentes a secretária municipal de saúde, Mariney de Souza Martini, prefeito Ailton Valloto, presidente da Câmara Municipal de Rondon, Roberto Scaraboto, chefe da divisão de saúde pública, Gisele Pereira de Godoy Sella, presidente do Rotary Club de Rondon, Evandro Patrício de Oliveira, presidente do Cresems da 13ª Regional de Saúde, José Tormena, presidente do conselho municipal de saúde, Fábio Luiz Picotti, secretários, coordenadores, funcionários, autoridades e população em geral.

Seguindo diretrizes dos Conselhos Nacional e Estadual de Saúde, a Conferência deliberou sobre políticas de saúde pública, com amplo aprofundamento do Sistema Único de Saúde (SUS), numa compreensão ética, igualitária e universal do direito à saúde.

Os objetivos da Conferência foram buscar a efetividade dos princípios do SUS garantidos na Constituição Federal, com o propósito de avaliar e propor condições de acesso à saúde, ao acolhimento e à qualidade da atenção integral, partindo das necessidades dos munícipes rondonenses, definindo diretrizes de políticas de saúde locais para os próximos quatro anos, fortalecendo o controle e participação do SUS.

A secretária municipal de saúde, Mariney de Souza Martini, disse que Rondon tem de se orgulhar de ter realizado sua 12ª Conferência Municipal de Saúde e enalteceu o papel do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Governo Municipal por sempre procurar oferecer a melhor saúde possível dentro das reais condições socioeconômicas do município, contando com o SUS, CISCENOP, entre ouras parcerias, que promovem a continuidade e fortalecimento da saúde a todos.

O prefeito Ailton Valloto ressaltou a importância de participar da Conferência, enquanto Gestor Municipal, para mostrar o valor e a importância dessas discussões para a saúde de Rondon, contribuindo para a consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), uma das prioridades da Gestão Atual. “Saúde deve ser levado a sério e os recursos devem ser aplicados da maneira correta, pois estão cada vez mais escassos e devem ser bem administrados”, concluiu o prefeito.

Na oportunidade a assessora de controle social da 13ª Regional de Saúde de Cianorte, Neide Azevedo de Almeida Stuchi, enfatizou que “o Poder Executivo e Legislativo devem caminhar juntos para aprimorar as ações do SUS. E a Conferência é o momento que a população tem voz para avaliar o sistema e propor medidas de melhoria nos próximos quatro anos”, disse a assessora.

PALESTRA

O palestrante Paulo Angelo Lourenço dos Santos, farmacêutico e servidor público na Prefeitura Municipal de São Tomé, convidado de honra, discorreu sobre aspectos importantes na Regulação do SUS, abordando os principais modelos de Atenção à Saúde praticados no Brasil e os processos históricos que culminaram na Reforma Sanitária brasileira e, posteriormente, na construção do SUS, com a palestra “Democracia e Saúde: Saúde como Direito – Consolidação e Financiamento do SUS”

Paulo ressaltou a importância de um planejamento prévio para recebimento dos recursos e aplicação na saúde, afirmando que os recursos devem ser aplicados de forma a otimizar os gastos pela Gestão Municipal. Evidenciou que os investimentos financeiros devem ser executados de forma imprescindível pelas três esferas governamentais (Federal, Estadual e Municipal – Tripartide), sempre pautando nas reivindicações dos municípios de forma democrática e não partidária.

Abordou alguns critérios exigidos por Lei para que os recursos sejam repassados de forma unânime entre as esferas governamentais, citou as formas de repasse e a autonomia do Fundo Municipal na gestão dos recursos da saúde. Após o palestrante respondeu às perguntas direcionadas em forma de bate-papo pelos participantes de forma clara e objetiva. Sendo amplamente aplaudido.

Na sequência foram realizados grupos de discussões para elaborar metas e estratégias para melhor prestação de serviço de saúde aos usuários, onde as sugestões abordadas referente a Conferência Municipal irão contribuir com as Políticas Públicas em Saúde na Conferência Estadual e Nacional. Também aconteceu a eleição do novo Conselho Municipal de Saúde – Gestão 2019 a 2021, e das duas delegadas que irão representar o Município de Rondon na Conferência Estadual, titular Eleuza Maria Silvano e a suplente Maria Helena Vieira Claudo.

Agradecemos de forma especial ao Grupo Musicanto de Rondon (Profº. Anderson Nascimento), que abriu a tarde de Conferência dando um Show de Jovens Talentos, cantando três músicas “Valeu Amigo, Trem-Bala e Borboletas”, onde sempre vem abrilhantando os eventos municipais com seus alunos. Por fim, agradecemos ao servidor João Paulo Dorne Calabrezi, cerimonialista do evento, que sempre está disponível a servir aos deveres do município, seja qual for o evento, a equipe VillaRon (Marcos Costa), estrutura em equipamentos de som, tudo impecável, e a filmagem do evento realizada pelo grande profissional Adriano Ribeiro Sobral (Tartaruga).

O Nosso Muito Obrigado a Todos!

“Gestão Com Responsabilidade Priorizando a Sua Saúde”

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Rondon

Compartilhe: