Vestuário de Cianorte se reúne com Beto Richa em Curitiba

logo-VESTUARIO2

O vice-prefeito de Cianorte, Beto Nabhan, o deputado estadual Jonas Guimarães, e empresários do vestuário cianortense participaram na última terça-feira (4) de uma reunião, no Palácio do Iguaçu, com o governador do Paraná, Beto Richa. O objetivo do encontro foi buscar um acordo para a redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para a indústria do vestuário, uma das mais penalizadas pela guerra fiscal entre os estados.

Assim, a principal reivindicação apresentada foi com relação à alíquota do tributo que, de 2008 a 2016 operou em 3% e, atualmente, é de 4%. “O índice de 3% foi uma conquista do setor têxtil e de confecções, que empenhou esforços para manter o benefício e que, agora, luta por sua prorrogação por mais cinco anos, visto que a alíquota no patamar mais baixo representa tranquilidade e segurança ao ramo de atividade, que sofre, além da competição interna, a concorrência com produtos importados”, defendeu Beto Nabhan.

Outra solicitação levada ao governador pelo vice-prefeito e empresários cianortenses foi a isenção do ICMS para os mostruários. “A operação de remessa e retorno de peças do mostruário é muito utilizada por empresas que atuam no mercado de representação e serve, exclusivamente, para demonstração dos produtos aos clientes, ou seja, a título de amostra sem valor comercial e, portanto, não poderia ser tributada”, explicou Beto Nabhan.

As reivindicações foram reforçadas pelo deputado Jonas Guimarães, que salientou a representatividade da indústria têxtil e do vestuário para a economia do Estado. “É um setor que gera milhares de oportunidades de emprego e renda para os paranaenses e que precisa manter o nível de competitividade para continuar se destacando no mercado nacional”, afirmou o parlamentar.

O governador, por sua vez, demonstrou sensibilidade às proposições e estabeleceu o prazo de uma semana para prestar resposta. “O poder público estadual reconhece a importância do setor produtivo e, a partir deste diálogo, irá reavaliar alternativas e apresentar as possibilidades”, garantiu Richa, encerrando a reunião, que também contou com a presença de membros do Conselho Setorial da Indústria do Vestuário e Têxtil, da FIEP – Federação das Indústrias do Paraná.

Texto: Ascom Prefeitura de Cianorte e Sinveste

Compartilhe: