TRE-PR lança a Gralha Confere, primeira agência de checagem da Justiça Eleitoral

Em uma iniciativa inédita, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), desembargador Tito Campos de Paula, lança a primeira Central de Combate à Desinformação da Justiça Eleitoral – Gralha Confere. O lançamento aconteceu em uma coletiva de imprensa realizada por videoconferência nesta quarta-feira (22). A OAB Paraná é uma das parceiras do projeto.

A partir de hoje, e durante todo o período eleitoral, a população pode enviar para o número +55 41 8700-5100 no WhatsApp dúvidas sobre conteúdos que circulam nas redes sociais relacionados ao processo eleitoral e à segurança do voto no Paraná. Não são averiguadas informações sobre candidatos e partidos.

Os conteúdos selecionados, conforme a repercussão e o interesse geral, serão checados e divulgados no site www.gralhaconfere.tre-pr.jus.br, nas redes sociais do Tribunal e nas páginas de mais de 40 entidades parceiras do projeto. As informações, classificadas em “Verdadeiro”, “Impreciso” ou “Falso”, serão editadas em forma de texto, áudio, cards e vídeos explicativos de até um minuto.

PROJETO

Baseada no Programa de Enfrentamento à Desinformação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU e em critérios internacionais de checagem, a Central Gralha Confere é operada por servidores da Coordenadoria de Comunicação Social (CCS), com base nos bancos de dados da Justiça Eleitoral e informações de porta-vozes internos, com auxílio do Conselho Editorial e Consultivo, formado pelos gestores da instituição.

SAIBA MAIS SOBRE A POLÍTICA DE ATUAÇÃO

Para utilizar toda a capilaridade da Justiça Eleitoral do Paraná no combate à desinformação, integram o projeto representantes de 13 cidades polo: Londrina, Maringá, Cascavel, Foz do Iguaçu, Ponta Grossa, Guarapuava, Pato Branco, Francisco Beltrão, Paranavaí, Cianorte, Umuarama, Campo Mourão e Guaratuba.

PARANÁ EM REDE

Para viralizar as checagens realizadas e atingir o maior número de pessoas, o Gralha Confere conta com a colaboração de 43 entidades parceiras, entre órgãos públicos, entidades civis e veículos de imprensa, que, por meio de termo de cooperação técnica, comprometeram-se a replicar em suas páginas oficiais as checagens produzidas pelo TRE-PR.

O objetivo é, com uma atuação integrada das instituições do Estado, barrar e alterar os fluxos de desinformação nos meios digitais. É o Paraná unido no combate à desinformação.

Confira a relação completa de parceiros do Gralha:

Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB)

Associação dos Magistrados do Paraná (AMAPAR)

Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR)

Ministério Público Federal (MPF)

Ministério Público do Estado do Paraná (MPPR)

Justiça do Trabalho – TRT da 9ª região (PR)

Justiça Federal – Seção Judiciária do Paraná

Associação Brasileira de Direito Eleitoral e Político (ABRADEP)

Instituto Paranaense de Direito Eleitoral (IPRADE)

Associação Comercial do Paraná (ACP)

Centro de Integração Empresa-Escola do Paraná (CIEEPR)

Fecomércio PR

COPEL

Assembleia Legislativa do Estado do Paraná

OAB Paraná

Gazeta do Povo

RPC

Banda B

Rádio Band News

Band Paraná

Bem Paraná

CBN Curitiba

TVCI

Unicuritiba

UENP – Universidade Estadual Norte do Paraná

Federação das Associações das Rádios Comunitárias do Estado do Paraná (FARCOMPR)

TV Tarobá

Polícia Militar do Paraná (PMPR)

CATVE

Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCEPR)

Folha de Londrina

Ministério da Economia

Jornalismo – Escola de Belas Artes (PUCPR)

Portal Comunicare

Grupo RIC

Folha do Litoral

TV Transamérica

Sanepar

Mais Cidadania Instituto

TV Beltrão

Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná (AERP)

Tribuna do Paraná

SERVIÇO:

Para enviar conteúdos: +55 41 8700-5100 (WhatsApp)

Para acompanhar as checagens: www.gralhaconfere.tre-pr.jus.br

Fonte: TRE-PR

Compartilhe:
Banner Edplants, Acesse