Tomam posse novos delegados nomeados pelo governador

delegados

Começou ontem (22) a posse dos 64 novos delegados da Polícia Civil aprovados em concurso público e nomeados pelo governador Beto Richa na última terça-feira. A posse é na sede da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná.

Até o dia 17 de março todos os novos delegados terão assinado o termo de posse. Em seguida, eles iniciam o curso de formação, que será ministrado na Escola Superior de Polícia Civil e tem aula inaugural prevista para o fim de março. Só depois disso, assumirão as delegacias para as quais serão designados.

A contratação dos delegados faz parte do projeto Paraná Seguro. Na última semana, além dos delegados, o governador também nomeou 2.212 policiais militares, além de 608 novos bombeiros. O programa é o primeiro planejamento específico para a área da segurança pública já feito na história do Estado.

Natural de Goiânia e delegado em São Paulo, Victor Nascimento Batista, de 27 anos, foi atraído pelo salário oferecido pelo Governo do Paraná. No estado vizinho ele trabalhava em centrais de flagrante e planeja se dedicar agora ao setor operacional, nos conceituados grupos táticos como Tigre (Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial) e Cope (Centro de Operações Policiais Especiais) da Polícia Civil paranaense.

DESTINAÇÃO – Dezessete comarcas do interior passarão a contar agora com delegados efetivos. São elas São João do Triunfo, Mallet, Palmas, Clevelândia, Altônia, Santa Izabel do Ivaí, Cambará, Manoel Ribas, Iretama, Campina da Lagoa, Grandes Rios, Marilândia do Sul, Cândido de Abreu, Ampére, Nova Aurora, Terra Roxa e Santa Helena. Desta forma, todas as comarcas do Estado passarão a contar com um delegado de polícia. Serão designados ainda profissionais para reforçarem as subdivisões de policiais do interior e as delegacias especializadas da capital.

PARANÁ SEGURO – O reforço no contingente da Segurança Pública faz parte do programa Paraná Seguro, lançado em 2011 pelo governador Beto Richa. Desde então o governo estadual já incorporou mais de 10 mil profissionais dos quadros da Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Científica (Instituto Médico-Legal e Instituto de Criminalística) e Corpo de Bombeiros (contando com essa última convocação).

Além de aumentar o efetivo, o Governo do Paraná melhorou a remuneração paga aos profissionais da Segurança Pública, adquiriu novas viaturas e módulos móveis policiais.

Texto e foto: AE-PR

Compartilhe: