Tempo seco aumenta o risco de queimadas em Cianorte

Secretaria de Meio Ambiente pede a contribuição da população com cuidados, principalmente no entorno do Parque Cinturão Verde, e denúncias de focos de incêndio

A baixa umidade do ar tem trazido à Cianorte, além dos típicos problemas respiratórios, grande preocupação aos órgãos ligados à causa ambiental, principalmente, à Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMMA). Isto porque, devido às poucas chuvas e aos fortes ventos que atingem o município, as queimadas, praticadas indevidamente pela população para a limpeza de terrenos baldios e para se desfazer do lixo e das folhas, oferecem riscos ainda mais sérios à natureza.

“Além de poluir o ar, por conta da fumaça produzida, temos receio de que esses focos de incêndio se aproximem do Parque Cinturão Verde já que as condições climáticas são favoráveis para que as chamas se alastrem rapidamente pela mata, podendo causar danos de grandes proporções”, relata o secretário da SEMMA, Guilherme Comar Schulz. Segundo ele, o último registro desse tipo no local é de 2013. Desde então, as ações de prevenção foram intensificadas pela pasta.

NÚMEROS

No último mês, entre terrenos, pastagens e matas, o Corpo de Bombeiros registrou 29 focos de incêndio, enquanto do início de agosto até o momento foram 23. No Parque Cinturão Verde, por sua vez, a SEMMA não atendeu nenhuma ocorrência nesse período. “Para que este quadro não mude, mantemos a Brigada Florestal em alerta no entorno da matapara conter qualquer princípio de fogo, entretanto, pela extensão da reserva, precisamos da contribuição de cada cidadão nos ajudando nesse trabalho de prevenção”, salienta o secretário.

DENÚNCIAS

A principal ferramenta para conter essa prática é a denúncia. “Quando avistar um indivíduo ateando fogo, ligue o quanto antes para a Força Verde [3637-3439] ou para a Secretaria Municipal de Meio Ambiente [3631-6463], que, imediatamente,serão realizados os procedimentos adequados”, garante Guilherme. Caso o incêndio já estiver acontecendo, a indicação é ligar para o Corpo de Bombeiros, que atende no 193. “O importante é tomar uma atitude para evitar que o fogo atinja proporções maiores e cause danos irreparáveis”, conclui.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Cianorte

Compartilhe: