Reclamações de telefonia movimentam Procon

procon-tatiane02A primeira semana de trabalho em 2014 no Procon de Cianorte foi agitada. Foram aproximadamente 70 atendimentos até a última sexta-feira (10), sendo que em torno de 90% foram reclamações relacionadas a problemas com as empresas de telefonia. Os outros 10% ficaram divididos entre reivindicações sobre cartão de crédito, boletos de financeiras, assistência de aparelhos, entre outros. “Eu tentei cancelar uma das faturas e não consegui”, lamenta a dona de casa Maria Ramalho, 63 anos, que procurou (foto) o Procon na sexta-feira na tentativa de cancelar um plano de uma das duas operadoras que tem na mesma linha.

Ela reclama que foi induzida por um atendente ao telefone a fazer um novo plano de uma segunda operadora. Ela está há dois meses com duas contas diferentes para o mesmo telefone, sendo que precisaria somente de uma.

A telefonia segue sendo a campeã de reclamações no Procon cianortense. Entre os casos mais comuns registrados essa semana estão o usuário não conseguir cancelar a linha pelo 0800, diferença entre o plano cobrado e o firmado em contrato, atendimento pelo telefone que não é completado, entre outros. “Conseguimos resolver a maioria dos casos”, comenta a atendente Tatiane Cazon. “Primeiro o consumidor deve passar pelo SAC [Serviço de Atendimento ao Cidadão] da empresa e, se não resolver, vir ao Procon”.

BANCOS – Um outro problema comum em Cianorte nas relações econômicas é a espera em filas de bancos. Essa semana houve um único registro de reclamação no Procon. Um cliente reclamou que esperou em torno de 1h30 para ser atendido numa agência bancária no centro da cidade. O Procon orienta que é preciso que os clientes do banco que se sintam prejudicados registrem suas reclamações. Apesar desse ser um problema que acontece com frequência, há poucos casos de queixas registrados.

O Procon em Cianorte fica na avenida Brasil, 2013. O telefone é (44) 3631-3044.

Texto e foto: Andye Iore

Compartilhe: