Receita estende prazo para médias empresas aderirem ao eSocial


Empresas com faturamento anual inferior a R$ 78 milhões terão até o fim de setembro para entregar informações dos trabalhadores ao eSocial, informou a Receita Federal nesta terça-feira (4). O prazo foi ampliado em um mês a pedido das empresas.

Nessa etapa, as médias empresas devem realizar seus cadastros como empregadores e enviar tabelas ao eSocial. Já na segunda fase do programa, prevista para começar em 10 de outubro, as empresas devem enviar dados dos trabalhadores ao sistema.

Criado em 2013, o eSocial reúne dados trabalhistas, fiscais e previdenciários do trabalhador em uma única plataforma. Anteriormente, a ferramenta era obrigatória apenas para empregadores de domésticos. Agora, foi estendida às demais empresas do País.

Fonte: Governo do Brasil, com informações da Receita Federal

Compartilhe: