Provopar ganha R$ 30 mil em prêmio do programa Nota Paraná

Os ganhadores dos três maiores prêmios do 28ª sorteio do programa Nota Paraná receberam os cheques com os valores de R$ 50 mil, R$ 30 mil e R$ 20 mil das mãos do governador Beto Richa durante cerimônia realizada na tarde desta terça-feira (13) no Palácio Iguaçu, em Curitiba. O Provopar Estadual (Programa do Voluntariado Paranaense) foi um dos contemplados neste sorteio de março, recebendo o segundo maior prêmio. O de maior valor saiu para Rodrigo Cruz dos Santos, delegado da Polícia Civil do Paraná, de Pinhão (Centro-Sul), e o terceiro maior montante foi para o administrador de empresas Rubens Bittencourt, de São José dos Pinhais (RMC). Curitiba, 13-03-18. Foto: Arnaldo Alves / ANPr.

Os ganhadores dos três maiores prêmios do 28ª sorteio do programa Nota Paraná receberam os cheques com os valores de R$ 50 mil, R$ 30 mil e R$ 20 mil das mãos do governador Beto Richa durante cerimônia realizada na tarde desta terça-feira (13) no Palácio Iguaçu, em Curitiba. O Provopar Estadual (Programa do Voluntariado Paranaense) foi um dos contemplados neste sorteio de março, recebendo o segundo maior prêmio. O de maior valor saiu para Rodrigo Cruz dos Santos, delegado da Polícia Civil do Paraná, de Pinhão (Centro-Sul), e o terceiro maior montante foi para o administrador de empresas Rubens Bittencourt, de São José dos Pinhais (RMC).

Os créditos do mês somaram R$ 55,7 milhões, o maior valor já distribuído em um mês, porque referem-se a compras de dezembro. A solenidade marcou também os dois anos do início da adesão de entidades sem fins lucrativos ao programa de cidadania fiscal.

O governador enfatizou os inúmeros benefícios que o Nota Paraná propicia aos cidadãos paranaenses. “É um programa bom, que ajuda a reduzir a carga tributária individual, na medida em que devolve ao contribuinte parte do imposto ele pagou. Além disso, ajuda a combater a sonegação fiscal e a concorrência desleal e, ainda, gera mais receitas para o Estado, que são revertidas em serviços de melhor qualidade e mais obras à população”, afirmou.

Atualmente, 1.146 instituições sem fins lucrativos de todo o Paraná estão cadastradas, recebem doações de documentos fiscais e são beneficiadas com a devolução de crédito de ICMS e prêmios em dinheiro. “Até agora já distribuímos R$ 65,7 milhões para organizações que atuam nas áreas de assistência social, saúde, defesa e proteção animal, esporte e cultura”, lembrou o secretário de Estado da Fazenda, Mauro Ricardo.

REFORMA DA CASA – Ganhador do prêmio de R$ 50 mil, o delegado Rodrigo Cruz dos Santos, disse que o dinheiro veio em uma boa hora e deve ajudar na reforma da casa. O servidor público, de 39 anos, sempre teve por hábito pedir o CPF na nota em todas as compras que faz e já tinha recebido prêmios menores anteriormente, além dos créditos devolvidos.

Para o delegado, o programa Nota Paraná transformou os hábitos dos paranaenses, que se acostumaram a exigir o documento fiscal na hora das compras. “Eu, agora mais do que ninguém, posso dizer que vale a pena pedir o CPF na nota, independentemente do prêmio. Só com os valores que voltam ao nosso bolso com os créditos do ICMS já é compensa”, afirmou.

ASSISTÊNCIA SOCIAL – Em uma data tão significativa para as entidades que participam do Nota Paraná, o prêmio de R$ 30 mil foi para uma das instituições de assistência social mais tradicionais do Estado. Fundado em 1980 pela então primeira-dama do Paraná, Nice Braga, o Programa do Voluntariado Paranaense – Provopar atua em programas sociais, projetos de geração de renda e atendimentos emergenciais da população em situações de calamidade pública e catástrofes, em parceria com a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Paraná.

O Provopar foi a nona instituição a receber um dos três maiores prêmios do programa (confira abaixo lista das sorteadas). Para a presidente da entidade, Carlise Kwiatkowski, o maior desafio da instituição é atender a demanda que chega de todos os 399 municípios do Estado.

Recebemos a notícia da premiação com muita alegria. Ficamos muito felizes e gratos ao Governo do Estado por propiciar esses recursos não apenas ao Provopar como a todas as outras instituições em todo o Paraná”, disse ela. Até o mês passado o Provopar já havia recebido R$ 364 mil entre prêmios e créditos do Nota Paraná.

TODOS GANHAM – Pedir o CPF na nota é um hábito na família do administrador de empresas Rubens Bittencourt, de 58 anos, morador de São José dos Pinhais. Participante do Nota Paraná desde o início, ele foi contemplado com o prêmio de R$ 20 mil. Ao receber a ligação informando sobre a premiação, inicialmente ele se mostrou desconfiado. Porém, ao ser orientado a conferir o bilhete premiado na internet, teve a certeza de que realmente havia sido sorteado. Ele pretende usar o valor para quitar algumas dívidas. “Todos ganham com o programa e o governo ainda consegue distribuir uma percentagem aos participantes”, comemorou.

COMO SE CADASTRAR – Para se cadastrar no Nota Paraná basta acessar o site http://www.notaparana.pr.gov.br, clicar na opção “cadastre-se” e preencher os dados pessoais, como CPF, data de nascimento, nome completo, CEP e endereço para criação da senha pessoal.

O programa foi lançado em agosto de 2015. A primeira liberação de créditos ocorreu em novembro daquele ano e o primeiro sorteio em dezembro. Deste então, a adesão ao programa cresce mês a mês. Em março de 2016 foi aberta a possibilidade de doação de notas fiscais a instituições sem fins lucrativos cadastradas.

LIBERAÇÕES – Com a liberação de março, chega a R$ 880 milhões as liberações de créditos e prêmios do programa. O programa conta com sorteios mensais de 250 mil prêmios em dinheiro, que somam R$ 2,8 milhões. Os três maiores são de R$ 50 mil, R$ 30 mil e R$ 20 mil e, em datas especiais, como o Natal, mês das mães, dos namorados, dos pais e das crianças, eles são quadruplicados para R$ 80 mil, R$ 120 mil e R$ 200 mil.

Em dezembro, pela primeira vez, o prêmio principal foi de R$ 1 milhão. Os outros prêmios têm valores menores, de R$ 10, R$ 20, R$ 50, R$ 250 e R$ 1 mil. 

MESMO CPF PODE RECEBER MAIS DE UM PRÊMIO – Toda primeira compra do mês no varejo gera um bilhete ao participante, independentemente do valor. Depois, cada R$ 50 em notas fiscais dá direito a novo bilhete, com validade apenas para o sorteio do seu respectivo período. O mesmo CPF pode receber mais de um prêmio e os sorteios ocorrem quatro meses após as compras.

Se o consumidor preferir dar o documento fiscal para as instituições, há duas formas de fazer as doações. Ele pode solicitar a nota fiscal, sem informar o CPF, e digitar no sistema do Nota Paraná os dados do cupom, encaminhando os créditos para a entidade beneficiária. Outra possibilidade é, sem informar CPF na hora da compra, depositar a nota fiscal em urnas instaladas pelas entidades, que irão recolher os documentos e digitá-los no sistema.

Fonte: AEN-PR

Compartilhe: