Programa Apadrinhar é Legal será lançado em Cianorte nesta segunda-feira

apadrinhaEncontrar voluntários para o estabelecimento de vínculos afetivos e/ou para prover o suporte material em benefício do desenvolvimento das crianças e adolescentes abrigados em instituições de acolhimento em Cianorte: este é o objetivo da Vara da Infância e Juventude que, com o apoio da Secretaria Municipal de Assistência Social, irá lançar o Programa Apadrinhar é Legal, nesta segunda-feira (20), em solenidade a ser realizada no Fórum, na sala do Tribunal do Júri, às 15h.  

Toda a população está convidada a participar da ocasião, na qual serão esclarecidas as formas de adesão e funcionamento do projeto, que é voltado para pessoas físicas, empresas, associações, famílias e outros grupos em geral. Segundo a juíza da Vara da Infância e Juventude, Dra. Marília Mitie Yoshida, trata-se da estruturação de uma rede de apoio, capaz de proporcionar a convivência familiar e comunitária às crianças e adolescentes que vivem em instituições, em decorrência de seus direitos violados.

“É importante frisar que o objetivo não é a adoção das crianças e adolescentes, mas o comprometimento de pessoas que podem ampará-los e provê-los do necessário na ausência dos pais. Ou seja, são padrinhos propriamente ditos, que irão complementar o trabalho realizado pela instituição de acolhimento, seja de maneira afetiva ou financeira”, explica a juíza. (Texto e Imagem: ASCOM PMC)

 

SERVIÇO:

Lançamento do Programa Apadrinhar é Legal

Data: 20/11/2017 (segunda-feira)

Horário: 15h

Local: Sala do Tribunal do Júri (Fórum de Cianorte)

Público: aberto à participação

 

 

Compartilhe: