Prefeitura contrata novos agentes para combater avanço da Dengue em Cianorte

Em 2019,a Secretaria Municipal de Saúde já confirmou 10 casos da doença.

Preocupado com o avanço da dengue em Cianorte, o prefeito Bongiorno autorizou nessa semana, a contratação de mais seis agentes de combate a endemias, que vão auxiliar no combate à proliferação do mosquito Aedes aegypti no município. A Secretaria Municipal de Saúde confirmou nessa terça-feira (13), o aumento para 10, todos autóctones, do número de casos positivos da doença. A quantidade é vista com muita preocupação pelo Executivo, o que resultou na determinação da contratação dos novos servidores.

Segundo os dados apresentados pela Secretaria, o local com maior índice de criadouros do mosquito é a Zona 03, porém, em todos os bairros,foram localizadas larvas do Aedes aegypti. “Nas localidades em que encontramos os focos, nós fazemos o bloqueio-controle. Os moradores estão sendo notificados, mas se não houver conscientização por parte da população, nosso trabalho será em vão”, comentou a supervisora do Programa de Combate à Dengue, Vera Lúcia Fusisawa.

“Esta é uma luta que todos nós temos um papel essencial. Os moradores precisam permitir a entrada do agente e acompanhá-lo na vistoria dentro e fora da casa, para a identificação de possíveis focos e orientações necessárias para evitar a proliferação do mosquito transmissor”, explicou a chefe da Divisão de Prevenção em Saúde Heloisa Dantas. “O cenário é muito preocupante, pois, a Dengue pode levar a complicações e até à óbito. É preciso ficar atento, a eliminação dos criadouros ainda é a principal medida preventiva a ser tomada”, concluiu.

A orientação da Secretaria Municipal de Saúde é para que, nos primeiros sintomas da doença, a pessoa se dirija às Unidades Básicas de Saúde (UBSs) ou à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para que o diagnóstico inicial e a notificação sejam feitos. Os hospitais ficam na retaguarda, recebendo os casos que exigem maior atenção e internação clínica. Os principais sintomas da dengue são febre alta, dores articulares, musculares e de cabeça, manchas avermelhadas na pele e indisposição.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Cianorte

Compartilhe: