Paraíso do Norte é campeã na geração de empregos no Noroeste

emprego-siteParaiso do Norte está em primeiro lugar na geração de empregos no Noroeste Paranaense. E, em terceiro lugar no Estado do Paraná. Os dados são do Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados (CAGED), que apontam que o Paraná criou 10.174 empregos com carteira assinada em março deste ano, sendo que o município de Paraíso do Norte foi responsável por 541 novos empregos.Ou seja, Paraíso do Norte é responsável por mais de 5% (cinco por cento) dos empregos no Estado do Paraná.

Trata-se de números expressivos se levarmos em conta o porte do município, isso mostra claramente que a Administração Pública de Paraíso do Norte está no caminho certo em relação as políticas públicas de geração de emprego e renda. O Município mantém excepcional índice de geração de empregos com carteira assinada.

O diretor-presidente do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Pardes), Julio Suzuki, ressaltou o dinamismo do interior do Estado nos bons resultados alcançados. Segundo ele, no primeiro trimestre deste ano, o interior registrou 88% dos novos empregos do Paraná.

No primeiro trimestre, as atividades econômicas que mais geraram empregos no Estado foram os Serviços, que foram responsáveis por 15.065 novos vínculos empregatícios no Paraná e a Indústria de Transformação, com a geração de 9.300 vagas.

REGIÕES – Entre as regiões que se destacaram na geração de empregos formais destacam-se a Noroeste (2.743), Oeste (1.655) e Região Metropolitana de Curitiba (1.626).

Os dez municípios que mais criaram novos postos de trabalho foram: Curitiba (896), Cascavel (890), Paraíso do Norte (541), Paranacity (474), Londrina (473), Pato Branco (471), Ortigueira (467), Ivaté (356), Tapejara (353) e Maringá (344).

Texto e foto: Assessoria PPN

Compartilhe:

Paraíso do Norte é campeã na geração de empregos no Noroeste

emprego-siteParaiso do Norte está em primeiro lugar na geração de empregos no Noroeste Paranaense. E, em terceiro lugar no Estado do Paraná. Os dados são do Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados (CAGED), que apontam que o Paraná criou 10.174 empregos com carteira assinada em março deste ano, sendo que o município de Paraíso do Norte foi responsável por 541 novos empregos.Ou seja, Paraíso do Norte é responsável por mais de 5% (cinco por cento) dos empregos no Estado do Paraná.

Trata-se de números expressivos se levarmos em conta o porte do município, isso mostra claramente que a Administração Pública de Paraíso do Norte está no caminho certo em relação as políticas públicas de geração de emprego e renda. O Município mantém excepcional índice de geração de empregos com carteira assinada.

O diretor-presidente do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Pardes), Julio Suzuki, ressaltou o dinamismo do interior do Estado nos bons resultados alcançados. Segundo ele, no primeiro trimestre deste ano, o interior registrou 88% dos novos empregos do Paraná.

No primeiro trimestre, as atividades econômicas que mais geraram empregos no Estado foram os Serviços, que foram responsáveis por 15.065 novos vínculos empregatícios no Paraná e a Indústria de Transformação, com a geração de 9.300 vagas.

REGIÕES – Entre as regiões que se destacaram na geração de empregos formais destacam-se a Noroeste (2.743), Oeste (1.655) e Região Metropolitana de Curitiba (1.626).

Os dez municípios que mais criaram novos postos de trabalho foram: Curitiba (896), Cascavel (890), Paraíso do Norte (541), Paranacity (474), Londrina (473), Pato Branco (471), Ortigueira (467), Ivaté (356), Tapejara (353) e Maringá (344).

Texto e foto: Assessoria PPN

Compartilhe: