Namorado é suspeito de morte de cianortense em SP

cidadealertaOs familiares de Natalia Fernandes Ferreira da Silva, de 20 anos, que moram em Cianorte foram pegos de surpresa na última segunda-feira (5). Ela foi encontrada morta na casa do namorado, no Parque São Lucas, zona leste de São Paulo, na tarde do último domingo (4).

De acordo com a Polícia Civil, o namorado pode ter assassinado a jovem e depois ligado para a polícia. Em entrevista ao programa Cidade Alerta, da Record, familiares disseram que a jovem passou 20 dias em Cianorte no período que antecedeu a Semana Santa. Aproveitou o tempo para rever todos os parentes e amigos.Ocorre que ela veio para o interior paranaense brigada com o namorado e não teria lhe avisado da viagem. Ela retornou para a capital paulista depois da Páscoa.

Segundo familiares da jovem, ela saiu de casa na noite de sábado (3), mas não voltou na manhã seguinte. A irmã de Natalia ligou no celular dela e no do namorado, mas não conseguiu falar com nenhum dos dois. A polícia recebeu uma ligação anônima. Do outro lado da linha, o denunciante dizia que havia uma mulher assassinada dentro de casa do namorado. Os policiais foram ao local e encontraram Natalia morta em cima da cama. Ela estava de bruços e com um tiro na nuca.

A polícia procura o namorado, que é o principal suspeito de ter matado a jovem e depois ligado para a polícia. Segundo a família, os dois namoravam há seis meses. O casal morava no mesmo bairro e se conheceu ali mesmo. O relacionamento parecia tranquilo e tinha a aprovação dos pais da jovem. A mãe chegou a dizer que o namorado era amoroso e atencioso com Natália. “Agora quero apenas justiça”, declarou a mãe da cianortense ao Cidade Alerta.

Texto: Paulo Tertulino com informações do Cidade Alerta / Print do Cidade Alerta

Compartilhe: