Ministro diz que Cianorte é exemplo de investimento na saúde

ministroDurante a abertura do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONARES) em Brasília, na última quarta-feira (20), o ministro da Saúde, Marcelo Castro, citou Cianorte ao relatar os investimentos significativos que municípios do Brasil realizam na saúde para oferecer um serviço de qualidade à população. Participaram do encontro cerca de 140 gestores municipais, representantes do Conselho de Secretários Municipais da Saúde (COSEMS) e capitais estaduais.

A fala aconteceu após o ministro alegar que os repasses de todos os meses de 2016 já estão garantidos. Nesse sentido, os participantes relataram as dificuldades enfrentadas pelas administrações das Prefeituras no custeio da manutenção das ações da saúde e solicitarem urgência em novas fontes para a área. “É fato que é preciso aumentar o teto, habilitar novos recursos, porém, com a crise estabelecida não será fácil”, disse o ministro.

Castro disse entender a situação dos municípios, que investem mais do que o previsto para oferecerem diversos serviços aos usuários, mas de acordo com ele, o Ministério opera de acordo com o orçamento da pasta. “Reconheço a dificuldade e a grande força que os municípios empregam para realizarem a manutenção das ações da saúde. Como é o caso de Cianorte, no Paraná. Por lá, a administração municipal tem investido mais que o exigido para conseguir manter os atendimentos com qualidade”, comentou.

A Capital do Vestuário no último ano empregou mais de R$ 62 milhões na pasta, o que representa aproximadamente 28% do seu orçamento, – baseado sobre alguns impostos obrigatórios – quase o dobro do que é exigido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (15%). “Estamos indo além do que a legislação nos obriga. Enxergamos a saúde como área fundamental para investimento, pois está diretamente ligada à vida das pessoas”, salienta o prefeito Bongiorno.

Entre os investimentos que mais se destacam em 2015 na saúde estão a UPA 24 horas, a ampliação e reforma de sete Unidades Básicas de Saúde (UBSs), implantação de farmácia, contratação de mais médicos e de outros profissionais da área.

Ascom Prefeitura com informações e foto da Assessoria do Conasems

Compartilhe: