Malacos fazem a festa em Cianorte e preocupam população

assaltosA onda de assaltos continua em Cianorte, assim como outras cidades do interior. Somente ontem a Polícia Militar registrou seis casos de roubos e furtos, entre às 10h47 e 21h37, conforme dados do boletim de ocorrências na cidade. Foram dois casos de furtos de motocicletas, um roubo a casa com o malaco ameaçando e levando R$ 60 de uma idosa; três casos de furtos em residências com os ladrões levando aparelho de televisão, eletrônicos, bicicleta, notebook, entre outros.
Na última quarta-feira (19) a agência Ligeirinho foi assaltada pela terceira vez em dois meses.

A situação tem se repetido em outros dias. A sociedade se mobiliza, pede providências e aguarda a implantação oficial da Delegacia Cidadã e da Companhia Independente da PM que já foram anunciadas pelas autoridades, mas não há data oficial para começarem a operar em Cianorte. Enquanto isso, diferentes segmentos da sociedade se uniram para criar uma força-tarefa na tentativa de reduzir e inibir a criminalidade.
O problema na segurança também tem outros efeitos na esfera estadual. Essa semana o então secretário de Segurança do Paraná, Cid Vasques, entregou o cargo. E ontem a Polícia Civil entrou em greve em várias cidades paranaenses.

As polícias contam com a ajuda da população para denunciar pelos telefones 190 ou 181. E também que evitem facilitar a ação dos bandidos deixando portas e janelas das casas abertas e chaves na ignição de motocicletas e automóveis.

Texto: Andye Iore com informações da PM / Cartum: Leandro Franco

Compartilhe: