Fuga em massa é evitada por investigador de plantão na cadeia pública de Cianorte

Na madrugada desta tarde desta terça-feira (15), por volta da 1h10, presos da Ala D, da Cadeia Pública de Cianorte, iniciaram um princípio de motim. A ação ocorreu quando os agentes de cadeia de plantão foram retirar um preso que supostamente estaria passando mal e necessitando de atendimento médico.

Durante os procedimentos, os presos conseguiram pegar um agente como refém. Foi quando o investigador de plantão, que acompanhava o atendimento, conteve a fuga.

Imediatamente os agentes acionaram equipes da Polícia Militar de Cianorte que, em conjunto, conseguiram conter o motim, sendo o refém liberado pelos detentos sem nenhum ferimento.

Além das equipes de Rádio Patrulha e ROTAM de Cianorte, a segurança da cadeia foi reforçada com a chegada de agentes penitenciários do Setor de Operações Especiais (SOE), do DEPEN de Maringá, para que os danos em um dos portões da Ala D fossem reparados.

O Departamento Penitenciário instaurará procedimento administrativo e disciplinar para apurar os fatos e a conduta dos presos. (Com informações e fotos: SOE/DEPEN)

Fonte: Dia a Dia Notícias

Compartilhe: