Espetáculo do Cia Circo Imaginarium emociona adultos e crianças

espetaculo-siteUma década de história celebrada por meio da arte circense. Assim podemos resumir o último espetáculo do Projeto Cia Circo Imaginarium que, em 2016, completa dez anos de existência e está em cartaz no Centro de Eventos Carlos Yoshito Mori com sua tradicional apresentação de final de ano. A estreia oficial foi realizada na noite da última terça-feira (25) e teve início com números consagrados, como Macho Man e Balão Mágico, e a participação de personagens renomados, como os performáticos, Homem Aranha, Zé Grandão e Fetilha. 

“Preparamos esta ‘viagem no túnel do tempo’ para homenagear aqueles que fazem parte da história do Circo e para trazer à memória os principais números executados ao longo do tempo e que foram sendo aprimorados até aqui”, disse a coordenadora do projeto, Cleide Cadan, acompanhada pela diretora do Colégio Estadual Igléa Grollmann, Luciana Tachini; pela secretária municipal de Educação e Cultura, Maria Neusa Casassa; pelo secretário municipal de Esporte e Lazer Valter Digiorgio; pela representante do NRE, Clarice Bongiorno e por outros membros de instituições parceiras.

Em seguida, os 130 alunos que frequentaram o projeto neste ano demonstraram seus talentos e prestaram brilho ao evento, que reuniu centenas de pessoas e emocionou adultos e crianças com shows de malabarismo, pirofagia, ginástica rítmica, palhaçadas, teatro, dança e outros. “Cada apresentação, figurino, maquiagem e decoração foi feito com muito trabalho e carinho. O espetáculo está muito bonito. Convidamos a todos para que prestigiem”, destacou Cleide. As sessões são gratuitas e seguem nesta quinta-feira (27), às 8h30 e às 14h.

HISTÓRIA

Iniciado em 2006, no Colégio Estadual Igléa Grollmann, com atividades físicas e recreativas para os alunos dos 3º anos, o Cia Circo Imaginarium foi conquistando espaço e cada vez mais adeptos. Em 2009, o projeto passou a fazer parte do “Programa Viva Escola”, que prepara, descobre e trabalha os diversos potenciais. Em 2010, para atender a demanda crescente, houve a parceria com a Prefeitura de Cianorte – por meio das secretarias de Esporte e Lazer e Educação e Cultura – e, atualmente, também com o apoio do Provopar, o projeto ministra gratuitamente aulas de artes circenses, dança, teatro e ginástica rítmica a crianças e adolescentes das redes municipal e estadual de ensino, com idades entre 10 e 17 anos.

Texto e fotos: Assessoria PMC

ciacirco-apresenta

Compartilhe: