Escola de Cianorte é destaque no IDEB pela 2a vez

vicente-machado

Pela quinta vez consecutiva, a rede municipal de ensino de Cianorte bate recorde de pontuação e ultrapassa as metas projetadas pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). A referência é 2015 e o novo resultado foi divulgado na última quinta-feira (8), com o município aparecendo com uma nota de 6,6, superior as médias nacional e estadual, que foram de 5,3 e 6,1 respectivamente. Um dos destaques é a Escola Municipal Vicente Machado (foto).

Para a secretária municipal de Educação e Cultura, Maria Neuza Casassa, o crescimento do índice, que em 2013 foi de 6,4, é resultado das ações e investimentos da Prefeitura para a melhoria da qualidade do ensino como um todo. “Tivemos a criação do novo Plano de Cargos e Carreira, que valoriza e beneficia o magistério; a implantação de material didático na Educação Infantil; o incremento da alimentação escolar; o reforço da Formação Continuada e cursos para os demais profissionais; entre outros”, cita.

Maria Neuza, ainda, atribui o resultado às equipes das escolas, “que não trabalham pensando apenas em atingir ou superar o IDEB, mas visando o aprendizado efetivo e o desenvolvimento integral dos alunos. Nesse sentido, a administração municipal, preocupada em melhorar cada vez mais, implantou, entre outras medidas em 2016, aulas de Educação Física que, com certeza resultarão em mais qualidade no ensino e crescimento no IDEB de 2017”.

Entre as 13 instituições municipais de ensino de Cianorte, bem como de toda a região, a Escola Municipal Vicente Machado é destaque. Desde que o índice foi lançado, em 2007, a instituição de ensino tem alcançado as metas projetadas estabelecidas pelo Ministério da Educação (MEC) e, desde 2013, com nota 7,1, está em “1º lugar” em relação aos demais estabelecimentos da região. No IDEB de 2015, a escola obteve a nota 7,5.

Para a diretora, Silvana Lemos Couto, a metodologia adotada nos últimos anos pela escola tem sido essencial para os bons resultados. “A nossa equipe pedagógica e professores trabalham unidos em prol de uma escola pública de qualidade, com ações focadas na melhor forma de repassar o conhecimento para nossos alunos, além de fazermos isso com amor e dedicação”, destaca.

Um dos trabalhos diferenciados, segundo a diretora, é a aplicação de simulados para todos os alunos, já a partir do 2º ano. “Além das provas dos professores, nossa equipe pedagógica aplica de 3 a 4 simulados por ano”, explica destacando, ainda, que “esses simulados servem também para que o aluno adquira experiência para que, no futuro, tenha mais facilidade ao prestar um vestibular ou um concurso”, aponta.

Após a aplicação dos simulados, a equipe pedagógica analisa as respostas, identificando os conteúdos que os alunos apresentam maior dificuldade, de forma a elaborar, junto aos professores, ações para que as turmas possam assimilar os conteúdos mais problemáticos.

Além disso, os professores da escola também participam de Grupos de Estudos que, de forma conjunta, analisam e avaliam a melhor forma para que um determinado conteúdo, geralmente os que apresentam mais dificuldade aos alunos, seja ministrado de forma mais simples e proveitosa.

Silvana também destaca o apoio da Secretaria Municipal de Educação, através da valorização profissional com os cursos de Formação Continuada. “O município tem prestado um importante apoio, inclusive com capacitações frequentes que contribuem ainda mais com o conhecimento de nossos professores, trazendo novas metodologias e/ou ações voltadas para a educação”, ressalta.

A secretária de Educação, por sua vez, também efetua elogios. “Todas as escolas municipais estão de parabéns pelos resultados do IDEB. Todas, sem exceção, superaram as metas estabelecidas pelo MEC. Prestamos nosso reconhecimento, também, aos 828 alunos pelo ótimo desempenho que apresentaram na Prova Brasil, demonstrando que adquiriram o aprendizado adequado”, conclui Neuza.
Texto e foto: Juliano Secolo

Compartilhe: