Educação vai expandir oferta de cursos do Pronatec

A Secretaria da Educação do Paraná vai expandir a oferta de cursos de Qualificação Profissional Básica na rede estadual de ensino por meio do Programa Nacional de Acesso a Educação Profissional e Emprego (Pronatec). Os cursos têm duração de dois a seis meses e estarão disponíveis em estabelecimentos que já ofertam educação profissional.

As escolas interessadas na modalidade vão aderir ao Programa Diálogos – Mundo da Educação e Mundo do Trabalho, no período de 21 a 28 de março. O resultado será divulgado a partir de 4 de abril. Após a lista de escolas participantes do programa ser homologada, a Secretaria da Educação vai informar sobre as inscrições.

Os cursos de Qualificação Profissional Básica estão diretamente ligados ao curso técnico disponível na escola. Por exemplo, o Curso Técnico em Administração possui em seu arco ocupacional os cursos de Almoxarife, Assistente Administrativo, Assistente de Crédito e Cobrança, Assistente de Faturamento, Assistente de Recursos Humanos, Assistente de Tesouraria, Assistente Financeiro, Recepcionista, Agente de Microcrédito, Comprador, Operador de Caixa, Operador de Supermercados, Operador de Telemarketing, Promotor de Vendas e Vendedor. Cada um deles tem duração de dois meses e carga horária de 160 horas.

Ao concluir o curso, o aluno recebe um certificado de qualificação emitido pela própria escola estadual, devidamente credenciada e com seus cursos técnicos autorizados e reconhecidos.

O objetivo é que, após obter a qualificação, o aluno possa ingressar no mundo do trabalho, e também optar por continuar estudando. “O Programa Diálogos – Mundo da Educação e Mundo do Trabalho tem duas finalidades. Qualificar para o trabalho e preparar o aluno para continuidade dos estudos, articulando a Qualificação Profissional Básica com os cursos técnicos” diz a chefe do Departamento de Educação e Trabalho da secretaria, Candida de Carvalho Junqueira.

O público-alvo dos cursos de Qualificação Profissional Básica inclui alunos do ensino regular e o próprio trabalhador em busca de atualização ou complementação de sua formação”, explica a coordenadora de Estratégias e Qualificação Profissional Básica da secretaria, Ana Nelly de Castro Gregório.

PRORROGAÇÃO – As escolas que participaram da primeira chamada pública do Programa Diálogos em 2016 podem solicitar prorrogação da adesão por mais dois anos. Na época, 91 estabelecimentos de ensino foram homologados, tendo qualificado mais de 1,2 mil alunos.

Fonte: AEN-PR

Compartilhe: