Cultivo da Acerola em Japurá impacta na renda e emprego do município

No município de Japurá, região de Cianorte, o cultivo da acerola tem-se apresentado como uma alternativa de renda para a pequena propriedade rural e emprego para os trabalhadores rurais volantes que na época da safra conseguem uma renda extra na colheita.

No município o cultivo da acerola tem uma área aproximada de 100 hectares, com envolvimento de 80 produtores familiares, sendo esta a variedade frutífera mais cultivada no município e que gera um impacto anual significativo na renda bruta de aproximadamente R$5.000.000,00 (cinco milhões de reais) ao ano segundo dados SEAB/DERAL, ou seja, cerca de R$50.000,00 por hectare ao ano.

A comercialização da fruta in natura é feita no Município de Japurá, onde existem 03 indústrias de polpas. Os produtores estão todos cadastrados no Instituto EMATER, recebem orientações técnicas e treinamentos para conduzirem seus cultivos, o técnico do EMATER Roque Tonin acompanha as unidades produtivas e trabalha Unidades de Referência (UR), como modelo técnico de produção, assim no cultivo do Senhor Mauro Aparecido Zani a produtividade dos últimos anos atingiu uma média de 130kg/planta. Esta propriedade é utilizada como difusora de tecnologia para os demais produtores.

O acompanhamento técnico das Unidades Produtivas Familiares se dá através de atendimento individualizado na Unidade Municipal, visitas às propriedades, reuniões, excursões entre outras metodologias que os serviços de extensão rural usam normalmente.

A cultura da Acerola apresenta grande importância na geração de emprego renda e ocupação do meio rural, evitando o êxodo rural. Segundo o Engenheiro Agrônomo Roberto Corredato Gerente Regional/EMATER, “mesmo com bons resultados alcançados no município até o momento, existem vários desafios a enfrentar, como a deriva de produtos químicos de outras lavouras, qualidade de mudas plantadas, tratos culturais na condução da lavoura, entre outros. O objetivo é aumentar a produtividade e produção com qualidade, onde atualmente a média de produtividade é de 80 kg/planta com preço atual de R$1,00/kg.”, destaca

O desenvolvimento local é realidade no Município de Japurá, e a Fruticultura faz parte desse contexto, apresentando como uma excelente opção de diversificação e renda, como é o caso apresentado, tendo em vista que a região de Cianorte como um todo apresenta solo, clima e mercado para o desenvolvimento da fruticultura regional.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Escritório Regional da Emater em Cianorte

Compartilhe: