Conferência reúne aproximadamente 250 pessoas e debate os desafios de envelhecer no Século XXI

As melhorias nas condições de vida e os constantes avanços da medicina estão proporcionando aos brasileiros, maior longevidade. Porém, o mais importante não é viver mais, e sim, viver melhor. Nesse sentido, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDI) e o Projeto Juventude Acumulada, da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, realizou,nessa terça-feira (07), a III Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, que teve como tema “Os desafios de envelhecer no Século XXI e o papel das Políticas Públicas”. O encontro ocorreu no Recanto dos Velhinhos e reuniu aproximadamente 250 pessoas, entre agentes governamentais, sociedade civil e organizações sociais.

Na abertura, foi realizada a leitura do Regimento Interno para a aprovação pela plenária.Durante o encontro, foram debatidas propostas em quatro eixos fundamentais: Direitos Fundamentais na Construção/Efetivação das Políticas Públicas; Educação: assegurando direitos e emancipação humana; Enfrentamento da Violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa; e Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas. O evento ainda contou apresentações de danças, executadas pelas integrantes do Projeto Juventude Acumulada, e com a palestra da pedagoga e coordenadora da Política da Pessoa Idosa da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho (SEJUF), Adriana Santos de Oliveira.

“Este é um momento de suma importância para que tenhamos um futuro melhor. É a hora de darmos voz às pessoas que serão atingidas pelas políticas públicas, para que eles possam expor suas necessidades”, explicou a secretária municipal de Assistência Social, Marlene Bataglia. “Foram momentos muito importantes, com discussões, vários esclarecimentos e tiramos várias propostas que serão apresentadas na etapa estadual”, completou.

“A Conferência é o momento em que governo e sociedade se reúnem para discutir ações diretas e apresentar propostas para melhorar a qualidade de vida da pessoa idosa”, destacou o vice-prefeito, Beto Nabhan, que na oportunidade representou o prefeito Bongiorno.“Estamos aqui não para dizer, mas sim, para ouvir o que eles querem para o futuro, de forma que melhore não só a nossa vida, mas também para as futuras gerações”, concluiu.

Também participaram do encontro o secretário municipal de Administração, Eliab Vieira Moreno; a secretária municipal de Educação e Cultura, Maria Neuza Casassa; o secretário municipal de Esporte e Lazer, Valter Digiorgio; a chefe do Escritório Regional da Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, Adriana Macedo Águila; os vereadores, Sílvio Fernandes, Márcia Pereira, Sérgio Mendes e Victor Hugo Davanço; o presidente do CMDI, João Batista Figueira; a coordenadora do Recanto dos Velhinhos, Irmã Terezinha; a chefe da Divisão de Atenção Básica em Saúde, Andréia Domingos, que na ocasião representou a secretária de Saúde, Michelly Poliana Viguiato Pricinotto; a diretora da UPA, Ana Paula Ribeiro; a coordenadora do Projeto Juventude Acumulada, Cleide Cadan; e demais servidores.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Cianorte

Compartilhe: