Campus da UEM de Cianorte comemora 10 anos da Tecidoteca

Nem só de livros e outros escritos é constituída uma biblioteca. No campus da UEM de Cianorte, o Departamento de Design e Moda (DDM) possui um acervo de bandeiras têxteis, fios, fibras e outros materiais correlatos: a Tecidoteca. Fundada em 2009, a iniciativa é um projeto de extensão da universidade, que contribui para a pesquisa, aprimoramento e desenvolvimento de tecidos, malhas e não-tecidos. Para comemorar os 10 anos de aniversário, uma programação especial foi elaborada e está marcada para começar nesta quarta-feira (05), às 19h30, no anfiteatro do campus, com a participação da Orquestra de Câmara da UEM.

“A Tecidoteca é resultado de muito trabalho e se consolidou como uma importante fonte de pesquisa e informação. Temos amostras oriundas de diversas localidades do Brasil e até do exterior, além de materiais produzidos pelo próprio projeto de extensão, que contribuem não só para o processo de ensino e aprendizagem dos acadêmicos de cursos que lidam com têxteis, mas que também auxiliam a comunidade externa, em especial, as empresas de confecção. Por isso, há muito que comemorar”, disse o coordenador da iniciativa, professor Ronaldo Vasques, que também é um dos fundadores.

A solenidade de abertura será seguida da palestra “Pesquisa e consumo de moda no segmento jeanswear”, ministrada pela estilista Patricia Baldini Saragioto. A programação segue até o sábado (08), com workshops, palestras, mesas redondas e exposições. As inscrições para o evento foram abertas ao público e já estão encerradas, pois atingiram a capacidade máxima. “No entanto, durante estes dias, os interessados em conhecer o trabalho da Tecidoteca podem conferir a mostra de vestidos de noivas “Da Idade Média ao Contemporâneo”, bem como os materiais produzidos pelo projeto de extensão, que estarão em exposição de quarta a sexta-feira, no anfiteatro, das 19h30 às 23h”, afirmou o professor Ronaldo.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Cianorte

Compartilhe: