Audiências Públicas apresentam projeções para o Saneamento Básico em Cianorte

saneamento01Duas audiências públicas realizadas na tarde desta terça-feira (17), nas dependências do Paço Municipal Wilson Ferreira Varella, trataram do futuro do abastecimento de água potável e da ampliação da rede de esgoto no município de Cianorte. O Plano Municipal de Saneamento Básico, bem como o novo contrato a ser firmado com a Sanepar, foram apreciados por autoridades, membros do Conselho Municipal de Saneamento Básico, servidores públicos e da comunidade em geral.

“Quando assumi a gestão municipal, em 2013, o município tinha 52% de cobertura de rede de esgoto. Hoje, o índice é de 66%. Evoluímos, mas ainda temos muito a crescer. A meta é ter 80% dos imóveis cianortenses cobertos pela rede de esgoto em um curto prazo. Também estamos trabalhando firme para que a distribuição de água potável seja garantida a todos, inclusive, pleiteando estudos para a captação de água do Rio Ligeiro”, explicou o prefeito Bongiorno, que, na ocasião, estava acompanhado pelo vice, Beto Nabhan.

A vereadora Marcia Pereira, representando a Câmara Municipal, elogiou o trabalho desempenhado pela Sanepar em Cianorte. “Percebemos que grande parte da população encontra-se satisfeita. Por isso, agradecemos o empenho da concessionária na prestação dos serviços”, disse.

Conforme o gerente geral da Sanepar em Maringá, Sergio Veronese, “a empresa é de excelência e de referência quando o assunto é saneamento básico. Por isso, estamos aqui discutindo o planejamento para os próximos 30 anos de Cianorte. Queremos expandir nossa atividade no município, mantendo a qualidade que todos conhecem”.

Já o secretário municipal de Desenvolvimento, Nelson Magron Junior, defendeu que “para apresentar os índices de qualidade de vida que temos hoje, o município precisou colocar o saneamento básico como prioridade. Este espaço de discussão é muito importante para delinear metas e pleitear melhorias na área”.

Também fizeram parte da mesa de autoridades os vereadores Santina Buzo e Victor Hugo Davanço; o presidente do Conselho Municipal de Saneamento Básico, Algacir Bortolato e o gerente regional da Sanepar de Umuarama, Eduardo Kawassaki. A partir dos apontamentos registrados nas audiências, o Plano Municipal de Saneamento Básico e o contrato a ser firmado com a Sanepar serão encaminhados para a aprovação da Câmara Municipal e, na sequência, sanção do prefeito para que se torne lei.

Texto e foto: ASCOM PMC

Compartilhe: